*
 

A partir de segunda-feira (17/10), 11 delegacias que têm centrais de flagrantes vão voltar a funcionar 24 horas. A medida segue recomendação do Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT) para que delegados e agentes da PCDF cedidos a outros órgãos retornassem aos quadros da corporação e prestassem o serviço de forma ininterrupta.

O prazo dado pelo MPDFT venceu na sexta (7), no entanto, o diretor-geral da corporação, Eric Seba, pediu mais tempo para resolver o problema. Nessa quinta-feira (13), a polícia chegou a informar que o sistema de plantão passaria a valer a partir desta sexta (14).

A Divisão de Comunicação (Divicom) explicou que a prorrogação do prazo da ordem de serviço foi estendido em razão de ajustes técnicos “necessários ao pleno funcionamento do sistema operacional gerido pela Divisão de Informática (Ditec) e também ajustes de pessoal relacionados às novas escalas a serem administradas pelo Departamento de Polícia Circunscricional (DPC), responsável pela gestão das delegacias e centrais de flagrante”.

Confira quais são as centrais de flagrantes:

  • 1ª DP (Asa Sul): ficará responsável pelas áreas da 1ª, 4ª, 8ª,10ª e 11ª DP’s;
  • 5ª DP (Área Central): ficará responsável pelas áreas da 5ª, 2ª e 3ª DP’s;
  • 6ª DP (Paranoá): ficará responsável pelas áreas da 6ª, 9ª e 30ª DP’s;
  • 13ª DP (Sobradinho): ficará responsável pelas áreas da 13ª e 35ª DP’s;
  • 20ª DP (Gama): ficará responsável pelas áreas da 20ª, 14ª e 33ª;
  • 21ª DP (Taguatinga): ficará responsável pelas áreas da 21ª, 12ª, 17ª e 38ª DP’s
  • 23ª DP (P Sul): ficará responsável pelas áreas da 23ª, e 15ª DP’s;
  • 24ª DP (Setor O): ficará responsável pelas áreas da 24ª, 18ª e 19ª DP’s;
  • 26ªDP (Samambaia Norte): ficará responsável pelas áreas da 26ª e 32ª DP’s;
  • 27ª (Recanto das Emas): ficará responsável pelas áreas da 27ª e 29ª DP’s;
  • 31ªDP (Planaltina): ficará responsável pelas áreas da 31ª e 16ª DP’s.

Desde setembro, apenas 12 das 33 delegacias funcionavam 24h, devido ao movimento dos policiais civis. Também permanecerão em sistema de plantão a 18ª DP (Brazlândia), 30ª DP (São Sebastião), 33ª DP (Santa Maria), Delegacias da Criança e do Adolescente 1 e 2, além da Delegacia Especial de Atendimento à Mulher (Deam). Essas unidades não são consideradas centrais de flagrantes.

O Sindicato dos Policiais Civis (Sinpol) é contrário à reabertura. “A Polícia Civil está querendo tirar servidor da investigação para colocar no plantão. Do que adianta mandar reabrir se não tem concurso, se não tem delegado nas delegacias?”, questionou Rodrigo Franco, presidente da entidade.

Operação Legalidade
Desde o dia 4 de julho, a Polícia Civil realiza a Operação Legalidade, que fez com que 100 delegados entregassem os cargos e 21 delegacias restringissem o horário de atendimento à população. O intuito com essas atitudes é pressionar o GDF para que dê o aumento pedido pela categoria – 37%, garantindo assim a isonomia com a Polícia Federal. Na última assembleia, a PCDF anunciou uma paralisação de 24h, o que ainda não ocorreu, e suspendeu a emissão de relatórios de inteligência.

 

 

COMENTE

PCDF
comunicar erro à redação

Leia mais: Segurança