Coronavírus: veja as principais comorbidades dos infectados do DF

Secretaria de Saúde divulgou quais as doenças preexistentes que mais afetam os contaminados pela Covid-19

atualizado 23/04/2020 8:15

Balanço divulgado pela Secretaria de Saúde do Distrito Federal (SES-DF), nesta quarta-feira (22/04), aponta que em 23% dos 961 casos confirmados de coronavírus da capital, pacientes afirmaram sofrer com alguma comorbidade.

Conforme consta no levantamento, o percentual corresponde a 222 infectados. As comorbidades configuram fator de risco para pacientes contaminados pela doença.

É a primeira vez que a pasta inclui este tipo de informação em seus boletins sobre registros de Covid-19 no DF.

Na maioria dos registros, os infectados afirmaram sofrer de doenças cardiovasculares, incluindo hipertensão. Essas comorbidades representam quase 60% do total (132 casos).

Na sequência, com 57 registros (25% do total), estão pacientes que sofrem com pneumopatias, ou seja, doenças que afetam os pulmões.

Atualmente, o Distrito Federal tem 961 casos confirmados. Do total, 582 registros correspondem a infectados do sexo masculino. O Plano Piloto lidera os registros, com 200 enfermos.

 

Últimas notícias