“Respeitar o resultado da eleição é o mais importante”, diz Robério

Deputado distrital reeleito, Robério Negreiros (PSD) participou, nesta quinta-feira (8/12), do Metrópoles Entrevista

atualizado 08/12/2022 22:50

Homem com camiseta polo preta olhando para o lado com cara fechada Reprodução/Vídeo

O deputado distrital reeleito Robério Negreiros (PSD) participou, nesta quinta-feira (8/12), do Metrópoles Entrevista. Durante cerca de 20 minutos, o parlamentar falou ao repórter Matheus Garzon sobre projetos e pautas que vai defender na Câmara Legislativa do Distrito Federal (CLDF) a partir de 2023.

Na ocasião, Robério comentou sobre prioridades do seu mandato, como a pauta de geração de emprego e renda, e destacou que trabalhará para “fazer o bem para a sociedade independentemente da questão ideológica”. “Não ligo para questão ideológica. Apesar de ser centro-direita, a gente tem que ser político e fazer o bem para a sociedade independentemente disso”, afirmou.

“Respeitar o resultado da eleição é o mais importante, porque se serve para me eleger, eleger outras pessoas, eleger uma bancada, a gente tem que olhar para frente e aceitar o resultado. Quem foi eleito e proclamado presidente da República ou para qualquer outro tipo de cargo a gente tem que respeitar”, completou o deputado.

Durante as eleições, Robério Negreiros viveu uma saia justa por ser vice-líder do governo na CLDF no momento em que Paulo Octávio, então adversário de Ibaneis e presidente regional de seu partido, disputava o cargo de governador. Questionado sobre o assunto, o deputado disse que o empresário “soube respeitar sua condição” durante a campanha.

“A gente apoiou o governador Ibaneis Rocha, mas entendendo o Paulo Octávio, que foi candidato. Foi muito bem votado e é uma pessoa respeitada na cidade”, pontuou. De acordo com Negreiros, atualmente “está tudo tranquilo” entre o presidente do PSD e o distrital.

Veja a entrevista completa:

Últimas votações do ano na CLDF

Ainda na entrevista ao Metrópoles, Negreiros comentou que faltam poucos projetos para serem votados neste ano. Uma vez que é possível que haja jogo da Seleção Brasileira na Copa do Mundo na terça-feira (13/12), o último dia de votações pode passar para quarta (14/12). Mas a ideia é concluir os trabalhos na próxima semana.

“Avançamos muito na pauta e faltam poucos projetos. Tem o PPCUB, que estava muito complexo e, por orientação do Ministério Público ficará para próxima legislatura”, exemplificou. “Também tem a LOA. O orçamento de 2023 já está praticamente esquadrinhado. Há poucos tipos de discussão para que a gente possa aprovar”, completou.

Questionado sobre o PPCUB ser votado na próxima gestão de Ibaneis, Robério afirmou que, apesar de ser um projeto complexo, há possibilidade deste ser aprovado no próximo ano.

“Quando a gente avançou na Luos, o governador Ibaneis Rocha foi além. Na transição, nos convenceu a aprovar da forma que estava, e depois nos prometeu e cumpriu, durante o atual mandato, a correção nas eventuais distorções. O PPCUB é mais complexo, mas acho que está bem avançado”, declarou.

Perfil

Robério foi eleito para o quarto mandato na Câmara Legislativa do Distrito Federal (CLDF). O deputado é autor de 78 leis e 419 projetos. Empresário, bacharel em Direito com MBA em Gestão Pública, Robério Negreiros defende as bandeiras: jovens, geração de emprego e renda, mulheres e pessoas com deficiência.

Mais lidas
Últimas notícias