*
 

Um ex-policial militar do Distrito Federal condenado há 21 anos de prisão por latrocínio (roubo seguido de morte) foi preso pela Polícia Civil durante cumprimento de uma série de mandados de prisão na operação Semana Mais Santa. O preso era procurado desde 2000 e sua condenação expiraria em agosto de 2018, em decorrência da prescrição executória da pena.

Além do ex-militar, outras nove pessoas foram presas na ação. Duas em flagrante pelo crime de tráfico de drogas e outras sete por força do cumprimento de mandado. Entre eles, está um homem acusado de estuprar uma criança. Todas as prisões ocorreram na região de Planaltina. Os presos foram levados para a carceragem do Departamento de Polícia Especializada (DPE).

Coordenada pelo Departamento de Atividades Especiais (Depate), a operação Semana Mais Santa tem como principal objetivo reduzir a sensação de impunidade cumprindo os mandados de prisão de criminosos condenados pela Justiça e que estavam foragidos.

 

 

COMENTE

Planaltinadepartesemana mais santa
comunicar erro à redação

Leia mais: Distrito