Mãe de menina de 1 ano morta bebeu cerveja em viatura, dizem policiais

As circunstâncias e a possível autoria do óbito permanecem desconhecidas, mas a postura da mãe chamou a atenção dos agentes públicos

atualizado 23/01/2022 22:19

Delegacia de PolíciaAndre Borges/Esp. Metrópoles

Pouco depois da morte da filha, uma menina de 1 ano e 4 meses, a mãe da criança teria bebido uma cerveja enquanto seguia em uma viatura da Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) para a 26ª Delegacia de Polícia (Samambaia), neste domingo (23/1). Segundo os policiais, ela bebia tranquilamente.

Vítima de traumatismo craniano, a menina morreu na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Samambaia Sul. As circunstâncias e a autoria do ferimento ainda são desconhecidas. A tranquilidade da mãe, contudo, chamou a atenção dos policiais. A postura da genitora foi inclusive repreendida pelos militares.

Segundo a PMDF, o pai da criança usava tornozeleira eletrônica e tem passagens pela Lei Maria da Penha. Além do ferimento na cabeça, de acordo com a polícia, a criança possuía pequenos cortes e resquícios de vidro na cabeça.

Conforme a apuração preliminar dos policiais militares, o traumatismo craniano provavelmente teria sido provocado por uma agressão. As circunstâncias do óbito ainda são desconhecidas, no entanto, uma linha provável é de violência infantil.

Mais lidas
Últimas notícias