Kriptacoin: TJDFT determina venda de helicóptero e carros apreendidos

Juiz da 8ª Vara Criminal decidiu pela realização de leilão de aeronave e automóveis luxuosos apreendidos no âmbito da Operação Patrick

Daniel Ferreira/MetrópolesDaniel Ferreira/Metrópoles

atualizado 23/04/2018 21:59

Acabou a farra. O juiz da 8ª Vara Criminal do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios (TJDFT) Osvaldo Tovani determinou a venda dos 21 veículos apreendidos com os responsáveis pela moeda virtual Kriptacoin, condenados nesta segunda-feira (23/4). O magistrado ainda expediu mandado para apreensão e transporte do helicóptero da empresa para o Distrito Federal.

Os acusados de coordenar as vendas do produto da Wall Street Corporate ostentavam uma vida de luxo, com carros de valores milionários, roupas de marca e joias. Entre os automóveis apreendidos no âmbito da Operação Patrick, estão: uma Lamborghini Huracan; três Porsches; duas BMWs; e uma Ferrari. Em um semestre, a organização criminosa teria movimentado R$ 250 milhões, segundo os investigadores.

Os valores serão utilizados para fins de reparação do prejuízo causado aos investidores da Kriptacoin. Em torno de 40 mil pessoas foram lesadas pelo esquema, de acordo com apuração do Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT) e da Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF).

Confira a lista completa dos bens apreendidos:

Reprodução/TJDFT Reprodução/TJDFT Reprodução/TJDFT

Últimas notícias