Judoca do DF sofre parada cardíaca e morre após meia hora de treino

Lutador, de 29 anos, passou mal e caiu. Bombeiros foram chamados, mas não conseguiram reverter a situação

CBMDF/ReproduçãoCBMDF/Reprodução

atualizado 03/07/2019 10:31

Um praticante de judô morreu enquanto treinava após sofrer uma parada cardiorrespiratória na noite dessa terça-feira (02/07/2019). Júnior Juvenal da Silva, de 29 anos, praticava o esporte num tatame que funciona em uma igreja na QE 38 do Guará II, quando sofreu o ataque.

O jovem tinha histórico de cardiopatias e, segundo o professor do lutador, sentiu-se mal após meia hora de treino, momento em que saiu andando do tatame e caiu no corredor.

O Corpo de Bombeiros foi acionado e enviou nove militares para atender o rapaz, incluindo a equipe do socorro aéreo. Eles tentaram restabelecer os sinais vitais por 42 minutos, procedendo com manobras de reanimação cardiopulmonar. Júnior não respondeu e teve o óbito confirmado no local pelo médico que acompanhava a equipe.

Últimas notícias