Jovem do DF dá à luz durante uma viagem entre São Paulo e Brasília

Iasmin Dantas do Nascimento é de Planaltina, mas estava morando no outro estado: sua segunda filha, Sol, chegou no meio do caminho

atualizado 26/09/2020 0:48

Buser/Divulgação

Uma jovem do Distrito Federal deu à luz a uma menina em um ônibus interestadual na madrugada desta sexta-feira (25/9), em Uberaba (MG). Ela fez um viagem de São Paulo (SP) para Brasília (BSB), com parada em Campinas (MG).

A passageira Iasmin Dantas do Nascimento, 20 anos, usou o aplicativo Buser para viajar. Gestante, ela estava acompanhada da mãe, Alessandra Araújo Dantas, e da filha mais velha.

Quando o veículo passava pela altura de Uberaba (MG) a bolsa rompeu. O motorista foi avisado e se dirigiu ao posto da Polícia Rodoviária Federal (PRF) em Uberaba para iniciar atendimento.

A ambulância chegou a ser acionada pelos agentes da PRF, mas não chegou a tempo e a criança nasceu no ônibus. Passageiros e motoristas auxiliaram no parto. A equipe de suporte da Buser ficou em contato com a família durante a madrugada, para ajudar em caso de necessidade.

“Eu estava sentindo contrações, mas pensei que eram contrações de treinamento. Como estava incomodando, eu comecei a anotar o horário. Quando vieram três contrações em 10 minutos, percebi que era sinal do parto, no mesmo momento a bolsa estourou e 20 minutos depois estava com a bebê em minhas mãos”, diz Iasmin, que é de Planaltina (DF), mas estava morando em São Paulo.

Agora ela é mãe de mais uma menina, que recebeu o nome de Sol Eugênia. Segundo Iasmin, a bebê deveria nascer em 18 de outubro. Mas, como neste fim de semana, ela  já completava 37 semanas de gestação, o parto não foi prematuro.

Parto

O motorista José Nazário dos Santos Filho, da empresa de frete de ônibus Expresso JK, que atua em parceria com a Buser, foi avisado às 2h que a bolsa da passageira gestante havia estourado.

“Como estávamos próximos de um posto da PRF fomos direto para lá, onde o agente fez contato direto com a base para pedir ajuda”, disse.

Nazário também conta que houve um esforço coletivo para ajudar a mãe e felicidade com o nascimento da criança foi contagiante. “Em 28 anos de profissão, nunca imaginei vivenciar algo assim”, afirmou.

A criança nasceu com 2,645 kg, está bem e recebendo os cuidados no Hospital Universitário Mário Palmério, com previsão de alta para a manhã de domingo (27/9).

O ônibus com os outros 14 passageiros seguiu viagem e chegou a Brasília por volta de 12h30. O CEO da Buser, Marcelo Abritta disse que esse foi um dos momentos mais felizes que a empresa já passou. “Além de um enxoval personalizado, a Sol e sua mãe irão receber da Buser viagens vitalícias”, garantiu.

0

Últimas notícias