*
 

Um grupo de cem servidores do Ministério do Trabalho interditou, por volta das 15h dessa quarta-feira (8/11), o trânsito na Esplanada dos Ministérios. Os funcionários públicos protestaram contra o anúncio do presidente da República eleito, Jair Bolsonaro (PSL), de que acabará com a pasta na próxima gestão.

O grupo fez um abraço coletivo no prédio aos gritos de palavras de ordem. De acordo com a Polícia Militar do Distrito Federal, o ato foi encerrado às 16h e o trânsito voltou ao normal no local.  Não houve confronto e a manifestação terminou sem nenhuma ocorrência.

Bolsonaro disse na quarta-feira (7/11) que a pasta será englobada em alguma nova estrutura em seu futuro governo, sem dar mais detalhes dessa reestruturação. “O Ministério do Trabalho vai ser incorporado a algum ministério”, disse o presidente eleito.