GDF busca bancas de concursos para procurador e agente penitenciário

Depois de definidos os organizadores dos certames, a próxima etapa será determinar a data de publicação do edital de abertura de inscrições

atualizado 11/02/2021 11:43

Michel Melo/ Metrópoles

O Governo do Distrito Federal (GDF) está em busca de bancas organizadoras dos concursos para procurador e agente penitenciário, como publicado no Diário Oficial do Distrito Federal desta quinta-feira (11/2).

O novo concurso para o cargo de procurador prevê 65 vagas para preenchimento imediato. Hoje, há 205 procuradores atuando juridicamente dentro da Procuradoria-Geral do Distrito Federal (PGDF). A remuneração mensal é de R$ 22.589,59.

A retomada do concurso do Departamento Penitenciário do Distrito Federal (Depen-DF) refere-se ao edital publicado em 2014 que ofertava 1.100 vagas, sendo 200 para provimento imediato e 900 para cadastro de reserva. A remuneração inicial é de R$ 2.494.

Publicidade do parceiro Metrópoles
0
Edital

Os órgãos escolhidos para esses certames ficarão responsáveis por todo o processo de seleção. Depois de acessarem o projeto básico disponibilizado para quem fizer o cadastro, as instituições interessadas deverão apresentar as propostas no prazo de oito dias úteis.

Com a autorização, o próximo passo é formar a comissão organizadora e, posteriormente, definir qual será a banca responsável pela aplicação das provas.

Somente, então, poderá ser definida a data de publicação do edital de abertura de inscrições.

Mais lidas
Últimas notícias