Filha de diplomata americano morre em acidente no Lago Paranoá

Adolescente de 15 anos caiu de uma embarcação no espelho-d’água no dia 28 de setembro e faleceu nessa terça-feira, num hospital particular

Felipe Menezes/MetrópolesFelipe Menezes/Metrópoles

atualizado 09/10/2019 22:05

A filha adolescente de um diplomata americano morreu nessa terça-feira (08/10/2019), em consequência dos ferimentos de um acidente aquático no Lago Paranoá ocorrido no dia 28 de setembro.

A jovem, de 15 anos, teria caído de uma embarcação e batido a cabeça. Ela foi socorrida e encaminhada para um hospital particular de Brasília, onde lutou pela vida por 11 dias.

Por meio de nota, a Embaixada dos Estados Unidos no Brasil se manifestou alegando profunda tristeza com a morte de um dos membros da comunidade americana. “Nossos mais profundos sentimentos para a família da pessoa envolvida. A família aprecia e agradece muito as efusivas manifestações de condolências. Por respeito à família durante este tempo difícil, não temos mais comentários.”

Segundo a representação diplomática, as autoridades brasileiras abriram uma investigação, e a embaixada está acompanhando e trabalhando em estreita colaboração no caso.

A menina era a filha mais velha do diplomata que coordena a missão de imprensa no Brasil. O pai da adolescente é casado com uma brasileira e tem dois filhos.

Últimas notícias