Ex-aluno do Sigma, de 13 anos, morre vítima de choque com celular na tomada

João Vítor Domat Remus estudou no Sigma e, desde a pandemia, morava com os pais em Palmas (TO)

atualizado 13/08/2020 13:17

Um adolescente de 13 anos morreu após encostar em uma parte de metal de um carregador de celular que estava na tomada. O acidente fatal com João Vítor Domat Remus ocorreu em Palmas (TO), na semana passada. O jovem chegou a ficar internado por alguns dias, mas não resistiu.

O garoto morou em Brasília até o início da pandemia, onde estudou no Colégio Sigma e, depois, mudou de cidade acompanhando os pais.

O enterro ocorreu na tarde de sábado (8/8), no Cemitério Campo da Esperança da Asa Sul.

Confira o texto que circula pelas redes sociais

0

Procurada, a instituição de ensino confirmou e lamentou a morte do ex-aluno. “É com muita dor que a comunidade escolar do Colégio Sigma manifesta o seu profundo pesar pelo falecimento do ex-aluno João Vitor Domat Remus na última semana ao sofrer um acidente em sua casa em Palmas, no Tocantins”, diz a nota.

Segundo o colégio, todos os envolvidos nas atividades, “diretores, colaboradores, professores e colegas da escola se solidarizam com a família”, finaliza.

Últimas notícias