*
 

Por determinação da Justiça, o estudante de direito João Vitor Afonso de Souza, 32 anos, foi preso nesta sexta-feira (20/4), acusado de tráfico e associação com o tráfico de drogas. Ele estava com duas porções de maconha em uma residência da 708/709 Norte.

João Vitor é suspeito de fazer parte de um grupo que traficava drogas em todo o DF e foi alvo, em março deste ano, da Operação Theya. Na ocasião, os agentes prenderam quatro pessoas e localizaram, no Núcleo Bandeirante, uma estufa caseira para cultivo de maconha.

Desde então, João Vitor vinha sendo monitorado. “Eles agiam juntos. Quando um não tinha a droga, indicava o outro. Quando cumprimos as buscas, ele havia mudado de endereço e não conseguimos localizá-lo. Depois, descobrimos o paradeiro e pedimos a retificação do endereço no mandado que foi cumprido hoje [20]”, disse o delegado-chefe da 1ª Delegacia de Polícia (Asa Sul), João de Ataliba Neto.

“Durante as investigações, constatamos que eles são pequenos traficantes. Usuários faziam as vendas, comprando uma quantia maior de drogas para fazer dinheiro e alimentar o vício”, acrescentou o delegado. O universitário é reincidente. Em 2016, havia sido preso pela prática do mesmo crime. Foi condenado e cumpria pena em regime aberto. Com ele, além de maconha, foram apreendidos R$ 210 em dinheiro.

 

 

COMENTE

Asa Sulprisãouniversitário
comunicar erro à redação

Leia mais: Distrito