*
 

Ex-ministro da Justiça do governo Fernando Henrique Cardoso, o advogado José Carlos Dias disse nesta quinta-feira (18/10), pouco depois de evento em apoio ao presidenciável Fernando Haddad, que “só o Bolsonaro é capaz” de fazer com que ele vote no PT. Dias participou de atos de juristas ao lado do petista em um hotel no Paraíso, na zona sul de São Paulo.

O advogado defendeu presos políticos na ditadura militar e participou da Comissão Nacional da Verdade. Embora crítico ao partido de Haddad, o ex-ministro classificou o candidato do PSL como um risco à democracia. “Bolsonaro é um perigo imenso para o Brasil. Este homem é um crápula”. afirmou.

Para ele, a posição assumida por FHC, de se manter distante da candidatura petista, se deve a um erro do PT. Segundo ele, a primeira coisa que Haddad deveria ter feito depois do primeiro turno era procurar o tucano em vez de ir a Curitiba (PR) “pedir a bênção ao Lula”.

Na saída do evento, o ex-ministro e a reportagem do Estado de S.Paulo foram confundidos e hostilizados por duas mulheres que passavam de carro e gritavam palavrões contra o PT. Uma delas disparou cusparadas em direção à reportagem, após fazer gestos obscenos.