Bolsa a alunos de creches do DF será entregue gradativamente

Segundo Secretaria de Educação, as regionais de ensino vão entregar o benefício para as famílias até 5 de abril

Aviso de suspensão das aulas na Escola Classe 102, no Recanto das Emas: coronavírus suspende aulasMyke Sena/Especial para o Metrópoles

atualizado 25/03/2020 12:18

Sem aulas para evitar o contágio do novo coronavírus, crianças vão receber o Cartão Bolsa Alimentação Escolar Creche até 5 de abril. O benefício de emergencial é de R$ 150 por mês.  As entregas são por etapas para evitar reunião de muitas pessoas no mesmo local.

Segundo portaria da Secretaria de Educação do Distrito Federal, publicada no Diário Oficial nesta quarta-feira (25/03), o benefício será entregue ao responsável legal pela criança, de forma gradativa. Justamente para evitar aglomerações.

Até então, a pasta entregaria o benefício para crianças de 0 a 3 anos. Mas a cobertura foi ampliada para os pequenos com 4 e 5 anos das creches conveniadas. Dessa forma, aproximadamente 22 mil serão beneficiadas.

O benefício será pago ao longo da suspensão das aulas. Conforme o Metrópoles antecipou, o governo avalia que a interrupção deve ir além de 5 de abril e já prepara videoaulas e transmissão de conteúdo pela internet.

Os cartões têm produção do Banco de Brasília (BRB). Os locais de entrega serão divulgados pela pasta. As regionais de ensino vão organizar a distribuição.

O benefício será custeado pela redução de 25% do pagamento feito pelo Governo do DF (GDF) para as creches. O GDF pretende entregar os cartões na quarta-feira (01/04). As famílias vão receber R$ 60 referentes aos dias sem aulas até então.

Servidores públicos estão receosos com a falta de regras claras para a distribuição dos cartões. Temem justamente possíveis aglomerações. Neste sentido a Secretaria de Educação pretende apresentar o planejamento até quinta-feira (26/03).

 

 

Últimas notícias