DF: vídeos mostram abordagem de PMs a suspeito de agredir mulher

Caso aconteceu na noite desse sábado (21/09/2019), em Taguatinga Norte. Houve troca de socos e pontapés

Vinícius Santa Rosa/MetrópolesVinícius Santa Rosa/Metrópoles

atualizado 22/09/2019 15:14

Uma ocorrência de Maria da Penha acabou na prisão de um homem, que terminou acusado, também, de injúria, dano ao bem público e lesão corporal contra policiais miliares do Distrito Federal. O caso aconteceu na noite de sábado (21/09/2019).

Por volta das 23h, a Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) foi chamada para uma caso de violência doméstica na QNE 13, em Taguatinga Norte. Vídeos que circulam nas redes socais mostram um homem enfrentando dois PMs, que tentam conter o homem, primeiramente, no diálogo. Depois, diante da agressividade do suspeito, os policiais reagiram e chamaram reforço.

O vídeo é feito por dois homens que testemunharam a ocorrência. Na filmagem é possível ouvir o suspeito gritar com os militares, os xingando de “frouxos” e “covardes”. Ele empurra os militares diversas vezes, até que um dos policiais desfere um tapa no rosto do homem. “Vai atirar?”, pergunta ele. “Atira, covarde”, esbraveja o acusado, após levar, novamente, um soco no rosto. “Tu vai cair, covarde”. Repete insistentemente, enquanto tenta agredir os militares.

Os dois policiais tentam manter o homem afastado até a chegada da viatura de apoio, que a essa altura já havia sido chamada. Enquanto isso, o suspeito se defende, dizendo ser ele o agredido. Quando chegam os outros militares, cerca de nove homens levam o suspeito ao chão, com socos e pontapés. Neste momento, a filmagem é interrompida.

Procurada pelo Metrópoles, a corporação disse que “o vídeo não retrata a ocorrência completa”.

Em nota, a PM disse que “mesmo na presença dos militares, o suspeito continuou a agressão à companheira. Posteriormente, veio a agredir os policiais que reagiram e necessitaram de apoio para conduzir o autor até a 12ª DP. Na delegacia, o homem detido se auto-lesionou ao bater o rosto na parede, quebrando a tampa da caixa de luz. Ele foi autuado por lesão corporal, injúria, dano, dano ao bem público e violência doméstica”.

Últimas notícias