DF: tentativa de execução acaba com dois baleados. Um, na cabeça

Ambos foram atendidos pelos bombeiros. Gestante que estava no local passou mal e foi levada para o Hospital do Gama

atualizado 21/10/2019 10:07

ambulância dos bombeirosRAFAELA FELICCIANO/METRÓPOLES/FOTO ILUSTRATIVA

Duas pessoas foram alvos de disparos, no Gama, na noite desse domingo (20/10/2019). O incidente com arma de fogo aconteceu na Quadra 6, Conjunto B da região administrativa. O Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal (CBMDF) compareceu ao local com duas viaturas, um helicóptero e 14 profissionais para fazer o atendimento. Uma das vítimas tinha sido atingida na cabeça.

A equipe do 18º Grupamento de Bombeiro Militar (Santa Maria) foi quem chegou primeiro ao local, por volta das 19h. Além dos dois homens atingidos, um veículo de passeio e uma motocicleta também  foram alvejados. Juan de Sousa Silva e Gabriel Ferreira Farias foram atendidos no local e transportados pelo Samu.

Testemunhas disseram ter ouvido dezenas de tiros. Segundo informações preliminares da 20ª Delegacia de Polícia (Gama), as duas vítimas estavam em um clube antes da ocorrência.

Juan foi atingido nas pernas e seguiu para o Hospital Regional do Gama (HRG). No caso de Gabriel, ele tinha uma perfuração por arma de fogo na cabeça. Primeiro, foi encaminhado para o interior do 16º Grupamento de Bombeiro Militar (Gama). Lá, de helicóptero do CBMDF, foi para o Instituto Hospital de Base (IHBDF). Uma gestante de 33 anos que estava no local se sentiu e foi levada pelos bombeiros também para o HRG.

Uma motocicleta Yamaha YBR, branca, e um Fiat Siena, prata, também viraram alvos dos tiros. O carro, segundo testemunhas, tinha mais de 30 marcas de balas. Os bombeiros informaram, por meio de nota, que a Polícia Militar e a Polícia Civil (PCDF) — que cuida diretamente da investigação do caso — foram acionadas para tratar do assunto.

Últimas notícias