Corpo esquartejado é encontrado dentro de saco de lixo no DF

Um carroceiro contou à polícia que teria sido contratado por um motoqueiro para desovar o cadáver em um aterro sanitário

atualizado 04/04/2020 15:06

Investigadores da 6ª Delegacia de Polícia (Paranoá) foram até um aterro sanitário do Itapoã e  localizaram um saco de lixo com partes de um corpo humano. Aparentemente, trata-se de um homem, mas só a perícia do Instituto de Criminalística (IC), da Polícia Civil do DF (PCDF) vai poder determinar o sexo da vítima.

A cena chocou quem esteve no local, pois o cadáver estava esquartejado em diversas partes. Segundo as apurações, um carroceiro teria sido chamado para transportar o saco até o aterro. Atrás dele, um suspeito o seguia pilotando uma moto.

Em determinado momento, o saco teria se aberto logo partes do corpo ficam expostos, o que fez o motoqueiro fugir do local. Policiais rondam a área para tentar identificar e prender o homem que contratou os serviços do carroceiro para desovar o corpo no aterro.

A testemunha foi levada para a delegacia para explicar como foi chamado para fazer o frete.

 

Últimas notícias