Combustível acaba e voos são cancelados no Aeroporto de Brasília

Às 16h desta sexta-feira (25/5), 30 aeronaves que partiriam da capital ou viriam para cá não decolaram nem pousaram

atualizado 25/05/2018 16:24

Hugo Barreto/Metrópoles

As reservas de Querosene de Aviação (QAV) do Aeroporto Internacional de Brasília Juscelino Kubitschek acabaram na manhã desta sexta-feira (25/5). Diante da situação considerada crítica, aviões que pousarem ou necessitarem de abastecimento ficarão em solo até o fornecimento de combustível no terminal ser normalizado.

Por volta das 11h, conforme informou o diretor de Operações da Inframerica, Juan Djedjeian, nove voos haviam sido cancelados. Às 16h, esse número subiu para 30. Do total, 15 partiriam da capital e 15 pousariam no terminal brasiliense.

“Já estamos há três dias com contingenciamento e infelizmente não chega abastecimento ao aeroporto. Hoje pela manhã, ficamos sem combustível mesmo e as medidas agora são um pouco mais críticas. A única solução para resolver o problema é a liberação das vias para que o Querosene de Aviação chegue aqui”, pontuou.

A American Airlines cancelou, de forma preventiva, o voo que vinha de Miami e pousaria no Aeroporto de Brasília às 7h35. Automaticamente, o previsto para partir da capital federal, às 21h55 desta sexta (25), também está cancelado.

“É fundamental a liberação dos transportes bloqueados no protesto de motoristas para regularizar o atendimento e as operações”, destacou, em nota, a Inframerica. Nos últimos dias, apenas 10 veículos carregados chegaram ao aeroporto, todos sob escolta policial. Diariamente, o terminal recebe uma média de 20 cargas. “Até as 8h da manhã de hoje (sexta), não há registro de entrada de novos caminhões”, informou a empresa.

A mestre de capoeira Elma Silva, 52 anos, embarcaria para Guarulhos às 9h45 desta sexta (25) e seguiria para um evento no interior de São Paulo, mas, após os cancelamentos, não embarcou. “Triste. Me preparei e não vou conseguir chegar a tempo”, lamentou.

Para piorar a situação de Elma, o próximo voo é só no sábado (26) e ela não sabe se será possível chegar à capital paulista. “Tentei negociar e seguir para outro destino, mas também não consegui. Ainda não sei o que vou fazer. Estou tentando resolver com a companhia aérea”, disse.

Marcela Alves, 23, pretendia embarcar para Teresina (PI) em um voo também cancelado. “Sem combustível, não há o que fazer. A solução é ter paciência. A princípio, só conseguiremos viajar amanhã (sábado) à tarde. A companhia disponibilizou alimentação e hospedagem. Nos resta esperar”, resignou-se.

Orientação
A Inframerica orienta os passageiros a buscarem informações com as companhias aéreas antes de seguirem para o aeroporto. Os informes sobre cancelamentos e atrasos estão sendo repassados desde cedo pela concessionária.

À tarde, centenas de passageiros se aglomeram em filas no aeroporto por causa do cancelamento de voos em razão da falta de combustível. Ainda não há informações sobre direcionamento dos passageiros para outros voos. O que tem sido feito pelos atendentes é o envio de deles para hotéis de Brasília, até que a situação se normalize.

Apesar da grave situação, ainda não há previsão de regularização do estoque de combustível. Desde quarta (23), somente há pouso de aeronaves com capacidade para decolar sem a necessidade de abastecimento no terminal brasiliense. A Inframerica adequou uma nova área com capacidade para receber até 180 passageiros em casos de atrasos ou cancelamentos de voos.

Confira os voos cancelados que partiriam de Brasília:
Gol – 1718 – Teresina
Latam – 3705 – Congonhas (São Paulo)
Azul – 2926 – Guarulhos (São Paulo)
Azul – 2613 – Campinas (SP)
American Airlines – AAL 214 – (Miami)
Avianca – 6342 – João Pessoa (PB)
Latam – 3860 – Recife (PE)
Latam – 3552 – Imperatriz (MA)
Latam – 3964 – Confins (MG)
Latam – 3776 – Aracaju (SE)
Latam – 3027 – Santos Dumont (RJ)
Latam – 3885 – Campinas (SP)
Latam – 3151 – Curitiba (PR)
Latam – 4601 – Guarulhos (SP)
Latam – 4559 – Aracaju (SE)

Voos cancelados que pousariam em Brasília:
American Airlines – ALL 213 – Miami.
Azul – 2925 – Guaulhos (SP)
Latam – 3706 – Congonhas
Azul – 2558 – Confins (BH)
Gol – 1723 – Teresina (PI)
Latam – 3990 – Recife (PE)
Latam – 3553 – Imperatriz (MA)
Latam – 3028 – Santos Dumont (RJ)
Latam – 3892 – Confins (BH)
Latam – 3724 – Congonhas (SP)
Latam – 3659 – Imperatriz (MA)
Latam – 3030 – Santos Dumont (RJ)
Latam – 3422 – Campo Grande (MS)
Latam – 3353 – Campinas (SP)
Latam – 3150 – Curitiba (PR)
Latam – 3582 – Galeão (RJ)

O panorama dado pela Inframerica às 8h30 desta sexta (25):

Reprodução

Últimas notícias