*
 

O cientista político e professor da Universidade de Brasília João Paulo Peixoto, 72, morreu na manhã desta sexta-feira (12/1). Ele tratava um câncer havia dois anos, que se iniciou no pâncreas e se alastrou para o pulmão.

Peixoto ministrou aulas sobre Governo e Administração Pública por mais de 25 anos. Além da área acadêmica, o cientista político foi conselheiro do governo da Angola, consultor do Banco Mundial e das Nações Unidas e chefe da Assessoria Legislativa de ministérios, como Fazenda, Educação, Indústria e Comércio Exterior. Assinou livros e vários artigos sobre política e administração pública.

O enterro está marcado para sábado (13), às 16h, no Cemitério Campo da Esperança da Asa Sul. O velório começará às 13h, na capela de número 7.

 

 

COMENTE

comunicar erro à redação

Leia mais: Distrito