Centro de umbanda é alvo de vandalismo no Distrito Federal

A direção da casa localizada no Arapoanga acredita que o autor do dano agiu motivado por intolerância religiosa

ReproduçãoReprodução

atualizado 27/11/2019 19:44

O Centro de Umbanda Cavaleiros de Ogum, localizado no Arapoanga, em Planaltina, foi alvo de vandalismo nesta quarta-feira (27/11/2019). A direção da casa acredita que o autor do dano agiu motivado por intolerância religiosa.

O templo funciona há 10 anos no mesmo local e realiza atendimento mediúnico. No momento em que a pedra atravessou o telhado, o centro estava vazio.

“Não tem outra explicação que não seja intolerância religiosa. Não dá para dizer que foi um dano causado pela natureza. Já tínhamos sido alvos outras vezes de outras pedras menores, mas nunca uma que tivesse atravessado o teto. Por sorte, não era horário de atendimento e ninguém se feriu”, diz o zelador espiritual do centro umbandista, Danilo Molina.

Segundo o dirigente da instituição, o caso será levado à Delegacia Especial de Repressão aos Crimes por Discriminação Racial, Religiosa (Decrin).

Imagem cedida ao Metrópoles

 

Últimas notícias