*
 

A Associação Geral dos Policiais Civis (Agepol) elegeu, na quarta-feira (8/11), a diretoria que comandará a entidade nos próximos três anos. Após uma eleição apertada, a chapa “Retomada e Compromisso” venceu o pleito, com 267 votos. A “Respeito e Confiança” obteve 207.

O agente da Polícia Civil aposentado Hugo de Souza presidirá a entidade. Ele já comandou o Sindicato dos Policiais Civis do DF (Sinpol-DF).

De acordo com Souza, as primeiras medidas da nova diretoria serão levar para a Agepol ex-associados e buscar novos sócios. “Nosso objetivo é promover a interação, e que ela possa estar novamente no seio da instituição policial e de suas famílias”, disse.

A diretoria ainda prometeu criar, no clube da Agepol, um parque aquático, com local para pesca, espaços destinado às mulheres e às crianças. Também serão organizados eventos como oficinas de danças.

Denúncia de homofobia
A eleição ocorre semanas após uma denúncia de homofobia envolvendo a atual diretoria da Agepol. Um vídeo que circulou nas redes sociais mostra um funcionário da associação expulsando dois jovens em um suposto ataque homofóbico. O homem esbraveja contra as vítimas falando que “aqui não é clube de viado, não”.

Na época, O atual presidente da Agepol, Francisco de Souza, confirmou o caso: “Nós primamos pela moral e pelos bons costumes”, afirmou Souza ao Metrópoles.

Francisco de Souza e o diretor envolvido no caso integram a chapa “Respeito e Confiança”, derrotada na eleição de quarta (8).

 

 

COMENTE

Polícia CivileleiçãoAgepol
comunicar erro à redação