Antonov, segundo maior avião cargueiro do mundo, pousa em Brasília

Aeroporto da cidade teve que modificar rotina para receber o "monstro" que trouxe mercadorias para empresas privadas de Anápolis

atualizado 24/08/2020 8:53

Antonov pousa no Aeroporto de BrasíliaFelipe Menezes/Aeroporto de Brasília

Pela segunda vez em quatro meses, Antonov 124-100, segundo maior cargueiro civil do mundo, pousou no Aeroporto de Brasília. Desta vez, o “monstro” da aviação trouxe produtos para empresas privadas em Anápolis. Em abril, o avião trouxe máscaras e testes para o novo coronavírus.

Ele chegou por volta das 5h desta segunda-feira (24/8), depois de ter saído de Mumbai, na Índia, e fazer duas escalas antes de aterrisar na capital do país. Para a descarga, o pessoal da administração do aeroporto, administrado pela Inframerica, teve que alterar a rotina, com o uso de guindastes, equipamentos específicos e equipes especializadas. De acordo com os responsáveis pelo local, todas as precauções foram tomadas para evitar a contaminação pela Covid-19.

0

A mercadoria foi transferida da aeronave para caminhões. No total, o cargueiro trouxe 50 toneladas de equipamentos industriais de grandes dimensões. Todo o material veio para duas empresas privadas: a Brainfarma (fabricante de medicamentos do Brasil) e a Cosmed (especializada em produtos para a saúde, como nutricionais e dermocosméticos). Os parques industriais das empresas ficam em Anápolis (GO).

Tamanho

A “visita” do Antonov é rara. Antes, aconteceu somente em 2009, 2018 e duas vezes este ano. O cargueiro tem 65 metros de comprimento e 21 metros de altura. São 24 rodas, o que dá a possibilidade de o avião pousar em diferentes superfícies – inclusive neve. Foi fabricado ainda no tempo da União Soviética, porém, agora apresenta bandeira da Ucrânia.

Ao todo, o Antonov pode levar 120 toneladas. E, por isso, o tamanho da cabine de carga é impressionante, com  1.050 m³. Significa que cabem lá dentro 50 carros populares. O avião ficará em território brasiliense até a manhã desta terça-feira (25/8) e, então, seguirá para Campinas (SP).

Últimas notícias