Africano monta banca clandestina e é preso com euro, dólar e celulares

Após monitoramento da PCDF, o homem foi flagrado com diversos equipamentos em casa, localizada em Ceilândia

atualizado 19/04/2021 8:55

PCDF/Divulgação

Policiais da 19ª DP (P Norte) prenderam um africano que comercializava produtos eletrônicos de procedência duvidosa em Ceilândia. O homem, que é natural de Gana, montou uma espécie de “banca clandestina” na residência em que mora. O flagrante ocorreu no último sábado (16/4). A ação foi batizada de Lagem Vendations, venda ilegal, em latim.

Os investigadores receberam informações sobre o africano que negociava celulares nos arredores da feira de Ceilândia. A equipe passou a monitorar o local e conseguiu identificar o suspeito. Durante o acompanhamento, foi possível flagrar o homem negociando diversos objetos. Os agentes acompanharam o estrangeiro até a residência dele.

0

“O autor foi abordado quando entrava no imóvel acompanhado de um comprador. No apartamento, os policiais encontraram uma loja irregular em um dos cômodos”, explicou o delegado adjunto da 19ª DP, Thiago Peralva.

Foram apreendidos pelo menos 96 celulares, 15 notebooks, quatro tabletes, três televisões, um bicicleta, três relógios, um caixa com 12 pares de tênis, além de quantias em reais (R$ 4 mil), dólar (US$ 500), euro (€ 65) e cedi (150), moeda africana.

O suspeito foi preso em flagrante pelo crime de receptação qualificada e aguardará audiência de custódia.

Últimas notícias