Wuhan, epicentro da pandemia, não tem mais pacientes internados

De acordo com governo chinês, o último paciente em estado grave se recuperou na sexta-feira. A cidade ficou em isolamento por 76 dias

chineses de wuhan visitam The Zoo após quarentenaGetty Images

atualizado 27/04/2020 22:18

O porta-voz da Comissão Nacional de Saúde da China, Mi Feng, informou neste domingo (26/04) que o número de pacientes hospitalizados por Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus, em Wuhan “caiu para zero”.

A cidade chinesa identificou os primeiros casos da doença e foi considerada o epicentro da pandemia.

De acordo com Mi, o último paciente em estado grave se recuperou na sexta-feira (24/04). A cidade ficou em isolamento por 76 dias.

Em toda a província de Hubei, os casos de infecção caíram para menos de 50 e nenhum novo caso de contágio foi registrado nas últimas duas semanas.

Segundo dados da Universidade Johns Hopkins, a China possui no total quase 84 mil casos de coronavírus.

O país asiático está atrás de países como Estados Unidos, Espanha, Itália, França, Alemanha, Reino Unido, Turquia e Irã.

Últimas notícias