Administração é o curso com maior oferta de bolsas no Prouni 2019

Pedagogia e Contábeis completam o ranking. Ao todo, o programa disponibilizará 169.226 bolsas de estudo para todos os curso

DivulgaçãoDivulgação

atualizado 11/06/2019 13:33

O Ministério da Educação (MEC) abriu a consulta de vagas do Programa Universidade para Todos (Prouni) 2019, com ingresso na faculdade neste segundo semestre nesta segunda-feira (10). Considerando no sistema informatizado as oportunidades cadastradas, o curso de Administração soma 17.004 bolsas de estudo disponibilizadas e é a graduação com o maior número de oportunidades.

São disponibilizadas em 983 municípios brasileiros, 8.180 bolsas integrais e 8.824 parciais. As oportunidades estão distribuídas entre diversos estados, com destaque para São Paulo, com 196 cidades ofertantes; Minas Gerais (129) e Paraná (86).

No segundo lugar do ranking está a graduação em Pedagogia, com 13.387 bolsas de estudo, sendo 9.269 integrais e 4.118 parciais. Em seguida, está o curso de  Ciências Contábeis, que soma 10.817 vagas, com 4.524 bolsas integrais e 6.293 parciais.

A segunda edição de 2019 do Prouni disponibiliza 33.830 cursos de graduação em 1,1 mil Instituições de Ensino Superior (IES) privadas. São 169.226 oportunidades. Deste total, 68.087 (40,23%) são bolsas de estudo integrais, com desconto de 100% na mensalidade e 101.139 (59,76%) são parciais, que cobrem 50% do valor mensal.

Bolsas ensino a distância

Pouco mais da metade das bolsas integrais ofertadas pelo ProUni 2019.2 será na modalidade Educação a Distância (EAD). São 34.903 vagas, ou seja, 51,26%. O restante (48,7%) são disponibilizadas em cursos presenciais.

Requisitos para participar do Prouni

Entre os requisitos exigidos estão a realização do Ensino Médio completo em escola pública ou em instituição privada como bolsista integral e a participação no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2018. É preciso ter alcançado a pontuação mínima de 450 pontos nas avaliações e não ter zerado a redação. O Prouni também permite a inscrição de portadores de deficiência e professores da rede pública.

Últimas notícias