Saiba qual foi a carreira que mais gerou empregos no DF em 2019

Levantamento leva em conta profissões que exigem nível superior. Capital teve 4.447 novos postos de trabalho no último ano

atualizado 13/02/2020 7:30

Rafaela Felicciano/Metrópoles

Balanço sobre o mercado de trabalho aponta que enfermagem foi a carreira que mais gerou postos de trabalho no Distrito Federal em 2019. Ao todo, 815 vagas de emprego foram preenchidas no último ano. A remuneração média ofertada pela profissão ficou em R$ 3,8 mil – mas o estudo não leva em consideração ocupações de licenciatura.

O levantamento é do Quero Bolsa, plataforma on-line de bolsas de estudo para o ensino superior da América Latina. O site reúne mais de 1 milhão de vagas em mais de 1.000 instituições espalhadas por todas as regiões do Brasil.

Para chegar ao resultado, o instituto levou em consideração a somatória das bolsas de estudo e vagas no ensino superior que constam no Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged). Do montante, subtraiu-se o número de demissões do total de contratações.

Além de enfermagem, a carreira de médico clínico e de fisioterapeuta foram as outras duas profissões que mais ofertaram novas oportunidades de emprego em 2019, com 473 e 232 cargos criados, respectivamente.

O DF, de acordo com o estudo, criou 4.447 postos de trabalho para brasilienses com ensino superior completo no último ano. “Os dados do Caged mostram que, no DF, as carreiras ligadas à saúde e tecnologia apresentaram maior geração de postos de trabalho em 2019”, explica Lucas Gomes, diretor de ensino superior do Quero Bolsa.

“Além da maior facilidade de inserção no mercado, esses trabalhadores têm remunerações bem acima da média dos brasileiros. Isso explica também o crescimento da procura por esses cursos entre os ingressantes no ensino superior que nós temos acompanhado nos últimos anos”, acrescentou Gomes.

Confira a lista das carreiras com mais oportunidades em 2019:
1. Enfermeiro 
Contratações: 815
Remuneração média: R$ 3.846,31

2. Médico clínico
Contratações: 473
Remuneração média: R$ 8.803,91

3. Fisioterapeuta geral
Contratações: 232
Remuneração média: R$ 2.961,94

4. Programador de sistemas da informação
Contratações: 182
Remuneração média: R$ 4.974,07

5. Analista de redes e de comunicação de dados
Contratações: 127
Remuneração média: R$ 5.348,31

6. Farmacêutico
Contratações: 104
Remuneração média: 4.319,04

7. Analista de desenvolvimento de sistemas
Contratações: 98
Remuneração média: R$ 6.291,25

8. Nutricionista
Contratações: 95
Remuneração média: R$ 2.903,83

9. Preparador físico
Contratações: 77
Remuneração média: R$ 1.390,38

10. Médico pediatra
Contratações: 56
Remuneração média: R$ 9.602,79

Últimas notícias