Concurso no RS tem 251 vagas e salário de até R$ 11,8 mil

Fundação Hospitalar Getúlio Vargas abriu inscrições destinadas a profissionais de todas as escolaridades em duas cidades da região

IStockIStock

atualizado 14/02/2020 15:36

Estão abertas as inscrições para o concurso da Fundação Hospitalar Getúlio Vargas (FHGV) destinado a preencher 251 vagas, além de formar cadastro reserva (CR), em dois municípios do Rio Grande do Sul.

Foram divulgados editais com oportunidades distribuídas entre unidades de saúde instaladas em Sapucaia do Sul e Tramandaí. Os salários variam de R$ 1.348,80 a R$ 11.893,96.

Quem possui nível fundamental tem opções como auxiliar de manutenção (CR), auxiliar de segurança (CR), auxiliar de cozinha (CR), costureiro (CR) e cozinheiro (CR).

Há carreiras com exigência de ensino médio/técnico para técnico em enfermagem (CR), técnico em enfermagem com instrumentação cirúrgica (10 postos + CR), técnico em imobilização ortopédica (CR), assistente administrativo (CR), auxiliar de laboratório – farmácia hospitalar (CR), desenhista projetista de arquitetura (CR), eletricista (CR), motorista (CR), técnico em contabilidade (CR), técnico em enfermagem do trabalho (1 + CR), técnico em enfermagem socorrista (CR), técnico em hidráulica (CR), técnico em imobilização ortopédica (1 + CR), técnico em radiologia (CR), técnico em refrigeração (CR) e técnico em segurança do trabalho (CR).

As vagas de nível superior são para fisioterapeuta (CR), nutricionista (CR), psicólogo (CR), administrador (CR), analista de sistemas (CR), arquiteto e urbanista (CR), assistente social (CR), contador (CR), enfermeiro (CR), enfermeiro do trabalho (CR), enfermeiro socorrista (CR), engenheiro civil (CR), engenheiro de segurança do trabalho (CR), engenheiro eletricista (CR), engenheiro eletrônico (CR), farmacêutico (CR), fonoaudiólogo (CR), jornalista (CR), procurador jurídico (CR), terapeuta ocupacional (CR) e médico nas seguintes áreas: anestesiologista plantonista (44 + CR), auditor (2 + CR), cirurgião geral plantonista (14 + CR), cirurgião geral rotineiro (1 + CR), cirurgião vascular (CR), clínico plantonista (49 + CR), clínico plantonista UTI (15 + CR), clínico rotineiro (8 + CR), do trabalho (2 + CR), ginecologista obstetra plantonista (17 + CR), ginecologista obstetra rotineiro (CR), hematologista (1 + CR), infectologsita (1 + CR), intensivista rotineiro (CR), neonatologista plantonista (11 + CR), neonatogolista rotineiro (1 + CR), neurocirurgião (9 + CR), pediatra rotineiro (CR), pediatra plantonista (35 + CR), radiologista (CR), traumato-ortopedista (9 + CR), traumatologista rotineiro (1 + CR), cardiologista (CR), cardiologista para atuação em ecocardiografia (CR), cirurgião pediátrico (CR), cirurgião plástico (CR), cirurgião torácico (CR), cirurgião vascular (CR), clínico para atendimento adulto e infantil (18 + CR), dermatologista (CR), endocrinologista (1 + CR), gastroenterologista (CR), ginecologista (CR), neurologista (CR), neurologista pediátrico (CR), oftalmologista (CR), otorrinolaringologista (CR), pneumologista (CR), proctologista (CR), psiquiatra rotineiro (CR), radiologista intervencionista (CR), reumatologista (CR), socorrista (CR) e urologista (CR).

Como se inscrever

As inscrições para o certame da FHGV vão até 9 de março, devendo ser efetuadas pelo site. As taxas de participação custam R$ 30 (ensino fundamental); R$ 60 (médio); e R$ 100 (superior).

O processo seletivo é organizado pelo Ibrasp (Instituto Brasileiro de Seleção Pública). Em caso de dúvidas, os candidatos podem obter mais informações com a banca por meio do telefone (51) 3226-8896.

A seleção envolverá prova objetiva (todos os cargos), marcada para 5 de abril, e análise de títulos (apenas para funções de nível superior), com envio dos documentos durante o período de inscrição.

Últimas notícias