Celebridades, subcelebridades e tudo sobre televisão de maneira ácida e divertida.

Marido de apresentadora volta para casa após 1 ano internado com Covid

Derek Draper, que é marido da apresentadora britânica Kate Garraway, comemorou o milagre em casa, ao lado da família

atualizado 09/04/2021 11:06

Kate Garraway e Derek Draper e filhosReprodução/Twitter

Derek Draper, de 53 anos, passou um ano de sua vida preso a uma cama de hospital, lutando contra o novo coronavírus, que causa a Covid-19. O marido da apresentadora britânica Kate Garraway agora comemora a vitória de estar em casa com a família.

Um amigo da família revelou que os dois filhos de Kate e Derek, Darcey, de 15 anos de idade, e Billy, de 11 anos, choraram muito ao rever o pai em casa, mas que foram “lágrimas de felicidade”.

0

Com a casa adaptada ao homecare – um quarto no andar de baixo da casa adaptado como aparelhos e cama hospitalar, além de um banheiro improvisado -, Derek já não respira mais com ajuda de aparelhos, mas seguirá com um longo tratamento para se recuperar totalmente, com fisioterapeutas e fonoaudiólogos, sendo observado por médicos na sua residência, já que, apesar da boa evolução, ele ainda precisará de cuidados especiais.

Caso único

Segundo o jornal The Sun, o ex-lobista e consultor político britânico foi levado de ambulância para a casa do casal no Norte de Londres na quarta-feira (7/4). Para a equipe médica, ele é um caso único e os especialistas esperam dar a ele todas as chances de ter a melhor recuperação. Cercado da esposa Kate e dos filhos, ele terá ainda mais chances.

“A esperança é que, ao melhorar sua saúde mental – o que certamente vai acontecer, estar cercado por seus entes queridos – a saúde física também será significativamente melhorada”, afirmou o amigo do casal.

Ao The Sun, Kate Garraway falou da emoção de ver o reencontro da família. “Quando paramos [na casa], pude ver dois rostinhos de Darcey e Billy olhando pela janela e pude literalmente vê-los dizer: ‘Ele está aqui!’ Eles correram para fora e abriram a porta. Ele imediatamente começou a chorar, houve muitos abraços e ele entrou”, disse emocionada.

No Good Morning desta sexta-feira (9/4), a apresentadora britânica contou sobre a felicidade que teve ao arrumar a mesa de jantar para quatro pessoas. A refeição favorita de Derek foi servida: uma caçarola caseira. “”Quando estava colocando os pratos, percebi que estava colocando quatro e… isso me faz chorar agora! Parece o início de um grande capítulo, mas realmente grande e importante.”

Um ano de sofrimento

Derek Draper apresentou dificuldades de respirar e foi internado em 30 de março de 2020. Intubado, ele passou meses em um tratamento chamado Transtorno de Consciência Prolongada, quando o paciente fica em um coma induzido. Em outubro, pronunciou sua primeira palavra – que foi “dor” – para expressar seu desconforto.

Pulmões, coração, rins, fígado e pâncreas do paciente foram atingidos pela Covid-19. Kate, à época, revelou, que o corpo dele havia sido “devastado pelo vírus”. Os médicos até cogitaram que ele poderia permanecer em estado semi-vegetativo para sempre.

Últimas notícias