Bastidores da televisão, notícias da sua novela preferida e entrevistas com os principais atores

Otaviano Costa assina contrato com o SBT: “Hora certa pra voltar à TV”

O apresentador vai comandar a competição de culinária Cozinhe se Puder - Mestres da Sabotagem

atualizado 13/01/2022 15:46

otaviano costaReprodução/Instagram

Otaviano Costa assinou contrato com o SBT e Discovery para apresentar a competição de culinária Cozinhe se Puder – Mestres da Sabotagem.  A estreia marca o retorno de Otaviano Costa para a TV.

Publicidade do parceiro Metrópoles
0

“Era a hora certa pra voltar à TV. Estou com meu estúdio a pleno vapor, a nossa agência criada e produzindo muitas coisas. E acrescentar a TV novamente a toda essa engrenagem, me deixa plenamente realizado e feliz. Que bom que é estar de volta ao SBT, a casa dos grandes comunicadores, a emissora onde tudo começou para mim. E é claro, fazer um reality com a incrível Discovery também me deixa muito empolgado. ‘Bora’ todo mundo pra cozinha!”, afirma Otaviano, que segue paralelamente apresentando o seu programa Otalab no UOL, renovado recentemente por mais um ano.

Com formato da Discovery Networks, o programa é uma competição gastronômica de sucesso e já teve 15 temporadas produzidas nos Estados Unidos, sendo que sete já foram exibidas no Brasil. Em 2021, Cozinhe se Puder – Mestres da Sabotagem ganhou sua primeira versão nacional e foi exibida no SBT, Discovery Home & Health e discovery+.

A cada programa quatro cozinheiros disputam um prêmio de até 25 mil reais. Os competidores batalham em três provas eliminatórias e só um deles sai de lá com o dinheiro no bolso. Aliás, com o que sobrar dele. Durante a competição acontecem diversos leilões de produtos e ingredientes bem inusitados e quem der o maior lance vai poder sabotar um concorrente. Ao fim de cada prova, o chef Giuseppe Gerundino faz a avaliação dos pratos e elege o pior, sem ter ideia do que aconteceu na cozinha. No final, o vencedor sairá com o saldo em dinheiro que ele guardou e o título de Mestre da Sabotagem.

 

Mais lidas
Últimas notícias