Marcas, ideias e pessoas que impactam no mundo da comunicação

App de comunicação ajuda empresas a manterem engajamento na pandemia

Startup Dialog desenvolveu ferramenta que atende mais de 30 empresas, dentre elas grandes nomes como PepsicO, Avon, entre outros

atualizado 24/05/2021 14:16

DialogDivulgação

Não é novidade que a boa comunicação dentro das empresas é essencial para um ambiente menos estressante e mais harmônico. Na pandemia, então, tornou-se essencial. Pesquisa realizada pela empresa Dynamic Signal, mostra que aproximadamente 80% dos colaboradores acreditam que a ausência de comunicação acarreta em um ambiente estressante de trabalho.

Por isso, algumas iniciativas se sobressaem. É o caso da startup Dialog, que tem um aplicativo de RH e comunicação interna com versões para celular, computador e TV corporativa. Hoje, empresas como Pepsico, Via Varejo, Avon e Carrefour são alguns dos clientes atendidos pela ferramenta.

andré francoPara André Franco, CEO da startup, é importante que, em meio à transformação digital e cultural que as empresas vêm vivendo por conta da pandemia, os líderes encontrem formas de se comunicar e engajar com os empregados. “A cultura de trabalho já vinha mudando. Os colaboradores querem se sentir ouvidos, serem protagonistas. Com o distanciamento social obrigatório, novos canais precisam dar espaço à participação horizontal dos funcionários. Criar o senso de pertencimento e oportunidades de escuta ativa”, explica. O atual momento fez com que o engajamento médio das pessoas que adotaram o Dialog crescesse, em média, 65% – levando em conta dados dos mais de 30 clientes.

Criado em 2016, o app surgiu para melhorar o engajamento entre médias e grandes empresas. Isso significa que todos os colaboradores têm acesso onde quer que eles estejam. Além de funcionar como uma facilitadora na comunicação entre empresa e empregado, a tecnologia pode ser personalizada com avatares dos funcionários. Franco explica que o foco da ferramenta é estreitar relações e, por isso, tem uma pegada mais humana. Eles usam de gamificação para atrair as pessoas, mantém pesquisas de clima, quizzes, centralizam funções de RH como comunicados, avisos de férias, etc.

Para André Franco, o uso de tecnologia e formatos que se assemelham com redes sociais podem ser boas alternativas. “Acredito que além de atrair colaboradores, estas alternativas geram métricas de alcance, absorção e engajamento para os gestores”, conclui.

Mais lidas
Últimas notícias