Marcas, ideias e pessoas que impactam no mundo da comunicação

Ação faz releitura da história e joga luz em violência contra a mulher

Criada pela agência Cálix, campanha contrapõe o drama vivido pela princesa Leopoldina com o de tantas outras vítimas dos dias atuais

atualizado 08/03/2021 10:06

A agência brasiliense Cálix Propaganda aproveitou o mês de março para trazer à tona um importante assunto discutido cada vez mais pela sociedade: a violência contra a mulher. Em campanha institucional de conscientização criada para o Sindilegis, a empresa resgatou um importante personagem na história brasileira para demonstrar que o problema que atinge milhões de famílias no Brasil não é recente.

Para abordar o assunto, a peça publicitária realizou uma reinterpretação da princesa Leopoldina, jovem esposa de D. Pedro I que, durante anos, sofreu com a infidelidade e as agressões físicas cometidas pelo imperador.

“Muitas vezes vista como coadjuvante na história do país, ela vem sendo mostrada cada vez mais como um personagem fundamental para o sucesso da independência brasileira. Além disso, a simples visão de vítima das traições e agressões do marido tem sido discutida à luz das cartas em que denunciava a violência doméstica. Por isso, a campanha visa mostrar que esse tipo de problema já existia desde o Brasil Império e não pode continuar imperando nos dias atuais”, diz a agência.

O comercial utiliza uma dramatização teatral para reproduzir os acontecimentos das cartas da princesa, tendo, como trilha sonora, músicas de Marcos Portugal (1762-1830) e Tomás Antônio Gonzaga (1744-1810), compositores renomados e populares na época. As peças gráficas e de internet mostram, lado a lado, mulheres do século 19 e da atualidade, ambas vítimas da violência doméstica, enfatizando que essa realidade precisa acabar.

A direção visual ficou a cargo da produtora Ça Va Art, enquanto o trabalho de áudio foi de responsabilidade do estúdio Ritmika Audio Arts, ambos de São Paulo. O grupo Metrópoles também faz parte da iniciativa como apoiador da ação.

Camapanha Dia Internacional das Mulheres

Camapanha Dia Internacional das Mulheres

Camapanha Dia Internacional das Mulheres

 

Últimas notícias