Os bastidores das notícias, e os principais personagens, que movimentam a política do Distrito Federal

Deputada diz que nota de Bolsonaro é medo de cadeia: “Covarde”

Texto atribuído ao presidente da República com recuo aos ataques ao Supremo Tribunal Federal ainda repercute no Congresso Nacional

atualizado 09/09/2021 19:07

agenda presidente Bolsonaro Cerimônia de lançamento Setembro Ferroviário construção de 3,3 mil km de trilhos dentro do programa Pro Trilhos 1Hugo Barreto/Metrópoles

A deputada federal Erika Kokay (PT-DF) avaliou, nesta quinta-feira (9/8), que a nota divulgada pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido) com sinalização de recuo aos ataques feitos ao Supremo Tribunal Federal (STF) seria “medo de ser preso”.

No texto, Bolsonaro afirmou que às vezes fala “no calor do momento” e que nunca teve “nenhuma intenção de agredir quaisquer dos Poderes”.

Pelo Twitter, contudo, a petista criticou a nova postura adotada pelo titular do Palácio do Planalto, dois dias após os manifestos de 7 de Setembro.

“Recuo de Bolsonaro não é apreço pela democracia e instituições. É medo da cadeia. Covarde!”, escreveu a congressista.

Veja a publicação:

 

Mais lidas
Últimas notícias