Com Rebeca Ligabue, Sabrina Pessoa, Marcella Freitas, Carina Benedetti e Luiz Maza

Curso sobre Coco Chanel estreia na Faap para o público em Brasília

Com foco no legado da estilista francesa, as aulas de moda serão ministradas pela professora Laura Wie, nos dias 25 e 26 de novembro

atualizado 15/11/2022 15:31

Coco Chanel - Metrópoles Apic/Getty Images

Uma das personalidades mais admiradas e renomadas do mundo fashion é Coco Chanel. Com o objetivo de oferecer detalhes sobre o legado da estilista francesa, a Fundação Armando Alvares Penteado (Faap) lançou um curso ministrado pela professora Laura Wie, especialista em história da moda. Pela primeira vez em Brasília, as aulas acontecerão presencialmente nos dias 25 e 26 de novembro. As inscrições estão abertas.

Vem saber mais!

Giphy/Bettmann/FPG/Hulton Archive/Getty Images

A partir de um panorama sobre a vida de Gabrielle Bonheur Chanel (1883-1971), mais conhecida como Coco Chanel, as aulas serão focadas em criações icônicas da estilista, que fundou a própria marca na capital francesa, em 1910. Para contextualizar, serão abordadas mudanças artísticas, econômicas e políticas da sociedade europeia ao longo dos anos.

“A marca Chanel é uma das mais queridas pela brasileira que gosta de moda; o conceito que ela traz serve de inspiração para quase 100% das mulheres que procuram se vestir com elegância, mesmo a mais nova geração, que continua atenta às sugestões dos últimos diretores de criação, Karl Lagerfeld, falecido em 2019, e Virginie Viard atualmente”, destaca Laura Wie.

Com o conteúdo, a professora explicará a importância de itens que revolucionaram a moda. “O pretinho básico, as calças para mulheres, o tailleur, o cardigã, as correntes, pérolas, a bolsa em matelassê e o sapato bicolor são ícones da moda popularizados por Coco Chanel”, cita. “Além das criações icônicas, ela foi um exemplo para o empreendedorismo feminino já no início do século 20, quando apenas homens empreendiam”, completa.

No curso, Laura Wie também ressalta relações mantidas pela designer, tanto na vida pessoal quanto profissional, para exemplificar inspirações. A francesa tinha uma relação próxima com as artes da primeira metade do século passado, como cita a idealizadora do curso realizado na Faap.

“Coco Chanel foi mecenas e desenhou figurinos para espetáculos teatrais e de dança; colaborou com Pablo Picasso; o dramaturgo Jean Cocteau; o coreógrafo russo Serguei Diaghilev, o compositor erudito Igor Stravinsky”, exemplifica Wie.

Flyer de curso sobre Coco Chanel - Metrópoles
O curso estreou pela Faap em São Paulo. Agora, chega a Brasília

 

Estilista Gabrielle Coco Chanel em preto e branco - Metrópoles
Gabrielle Bonheur Chanel (1883-1971), mais conhecida como Coco Chanel, foi uma das estilistas mais renomadas da história da moda

 

Coco Chanel
A francesa criou peças emblemáticas, como o vestido preto básico, a jaqueta de tweed e a bolsa 2.55

Idealizadora de curso sobre Coco Chanel

A professora, Laura Wie, é gaúcha, mas mora na capital paulista, onde firmou a própria carreira de modelo nos anos 1990. Ela é formada em letras pela Universidade de São Paulo (USP), com especialização em história da moda pela Parsons School, de Nova York, nos Estados Unidos.

“Iniciei como modelo aos 15 anos, no mercado gaúcho num primeiro momento, depois em São Paulo, e posteriormente no exterior, com temporadas em Nova York, Tóquio, Londres, e Paris, entre outros centros de moda. Trabalhei muito com alta-costura, desfilando grifes como Chanel, Lanvin e Givenchy. Aliás, com os estilistas Hubert de Givenchy, Ralph Lauren e Karl Lagerfeld eu desfilei lado a lado”, relembra.

A relação com a marca Chanel, especialmente, foi extremamente significativa. “Também atuei como atriz na peça Mademoiselle Chanel, que teve os figurinos criados pela maison, por Karl Lagerfeld. A peça, escrita por Maria Adelaide Amaral e dirigida por Jorge Takla, tinha como protagonista a atriz Marília Pêra. Eu fazia uma modelo em cena”, conta.

“Na ocasião em que a apresentamos em Paris, tivemos momentos de aprofundamento sobre a vida e obra de Coco Chanel, incluindo conhecer o apartamento dela no terceiro andar da Rue Cambon, onde fica a Maison Chanel há mais de um século”, revela.

Na formação na área da moda, Laura Wie aprimorou o interesse e a ligação com a grife e a fundadora. “Busquei me aprofundar no olhar visionário de Coco Chanel ao desenvolver peças de roupas que romperam com os vestidos exagerados das mulheres no início do século 20, propondo peças funcionais e com linhas retas, com direta influência do guarda-roupa masculino – exatamente o que usamos atualmente”.

Laura Wie e Karl Lagerfeld - Metrópoles
Laura Wie começou na moda como modelo. Desfilou para a Chanel sob o comando de Karl Lagerfeld

 

Laura Wie, professora Faap - Metrópoles
Formada em letras, a gaúcha radicada em São Paulo se especializou em história da moda

 

Espetáculo Mademoiselle Chanel - Metrópoles
Também já teve a oportunidade de contracenar com Marília Pêra no espetáculo Mademoiselle Chanel

 

Espetáculo Mademoiselle Chanel - Metrópoles
A peça teve figurino criado pela maison

 

Espetáculo Mademoiselle Chanel - Metrópoles
Laura Wie é admiradora do trabalho de Coco Chanel

Serviço

Com carga horária total de 12 horas, o curso livre, inicialmente foi ministrado na Faap em São Paulo, chega a Brasília, com realização em um fim de semana: nos dias 25 e 26 de novembro. Abertas ao ao público em geral, as inscrições podem ser feitas pelo site da Faap.

Faap Brasília: Setor Bancário Sul, quadra 2, lote 15, sala 608/609 – Edifício Prime – Asa Sul, Brasília

 

Colaborou Rebeca Ligabue

Mais lidas
Últimas notícias