metropoles.com

Sergio Moro planeja encontro com religiosos e mira evangélicos

Moro encontrará com líderes religiosos de várias religiões, mas mira evangélicos, segmento que impulsionou a eleic’ão de Bolsonaro em 2018

atualizado

Compartilhar notícia

Fábio Vieira/Metrópoles
sp sergio moro
1 de 1 sp sergio moro - Foto: Fábio Vieira/Metrópoles

Sergio Moro planeja encontrar líderes religiosos em janeiro. A agenda incluirá evangélicos, segmento que impulsionou a eleição de Jair Bolsonaro em 2018 e que tem se descolado do presidente nas pesquisas.

Ao público evangélico, mais conservador, Moro reafirmará que é contra flexibilizar a legislação sobre o aborto no país. Será uma tentativa de mostrar que a pauta de costumes não será ignorada em seu eventual governo.

Aliados do ex-juiz também pretendem agendar encontros com o máximo possível de religiosos no próximo mês, com católicos, espíritas e religiões de matriz africana.

No último dia 14, uma pesquisa Ipec apontou que Lula e Jair Bolsonaro estão tecnicamente empatados em intenções de votos entre os evangélicos: Lula tem 34%, ante 33% de Bolsonaro.

Em 2018, o cenário era bem distinto: o voto evangélico foi um dos motores da jornada de Bolsonaro ao Planalto. O presidente segue tentando cativar esse eleitorado. Nesta semana, foi ao STF prestigiar a posse de André Mendonça, seu ministro “terrivelmente evangélico” para a corte.

0

Já leu todas as notas e reportagens da coluna hoje? Clique aqui.

Siga a coluna no Twitter e no Instagram para não perder nada.

Compartilhar notícia

Quais assuntos você deseja receber?

sino

Parece que seu browser não está permitindo notificações. Siga os passos a baixo para habilitá-las:

1.

sino

Mais opções no Google Chrome

2.

sino

Configurações

3.

Configurações do site

4.

sino

Notificações

5.

sino

Os sites podem pedir para enviar notificações

metropoles.comGuilherme Amado

Você quer ficar por dentro da coluna Guilherme Amado e receber notificações em tempo real?

Notificações