Com Bruna Lima, Edoardo Ghirotto, Eduardo Barretto e Naomi Matsui

A primeira crise do novo partido da fusão PSL-DEM

Waguinho disse que havia sido confirmado como presidente do União Brasil no RJ, mas Bivar disse que "nada está definido"

atualizado 08/10/2021 15:15

Marcelo Camargo/Agência Brasil

O bolsonarista Waguinho, prefeito de Belford Roxo, postou há alguns dias em suas redes sociais que havia sido confirmado como presidente do diretório estadual do União Brasil, que nascerá da fusão do DEMPSL. Contudo, à coluna, o presidente do partido Luciano Bivar negou que haja definição.

Ao lado de ACM Neto, então presidente do DEM, do vice Antônio Rueda e do deputado Marcio Canella, Waguinho havia dito que a “confirmação” para a presidência do União Brasil no estado é uma “grande vitória” de sua vida pública.

ACM Neto, Antônjo Rueda, Waguinho e o deputado estadual Márcio Canella

Uma liderança do DEM no Rio disse que o post é “uma forçação de barra” do prefeito de Belford Roxo para seu nome ser levado adiante na presidência do novo partido.

A coluna perguntou ao vice-presidente do União Brasil sobre a postagem de Waguinho, mas Rueda preferiu não se posicionar sobre o assunto. O prefeito de Belford Roxo também foi procurado, mas não retornou até a publicação desta reportagem. O espaço está aberto para manifestações.

Já leu todas as notas e reportagens da coluna hoje? Clique aqui.

Siga as redes do Guilherme Amado
Últimas da coluna