Com Bruna Lima, Edoardo Ghirotto, Eduardo Barretto e Naomi Matsui

O futuro de Hélio Lopes, o fiel escudeiro de Bolsonaro

Ele garante que não será candidato nem ao Senado nem ao governo do Rio de Janeiro

atualizado 26/09/2021 21:53

Michael Melo/Metrópoles

O deputado federal Hélio Lopes, do PSL do Rio de Janeiro, não quer mudar de emprego em 2023. Fiel escudeiro de Jair Bolsonaro, ele garante que é candidato à reeleição e que não está a fim de disputar uma vaga no Senado nem o governo do Rio de Janeiro.

Na última eleição, Lopes usou nas urnas o sobrenome Bolsonaro e o mesmo número que Eduardo Bolsonaro teve em São Paulo, e assim se tornou o deputado mais votado do Rio, com quase 342 mil votos. Ele tem admitido que não conseguirá repetir o mesmo desempenho na próxima eleição, mas diz que conseguirá se reeleger se garantir ao menos 20% da votação que obteve em 2018.

Lopes pedirá a desfiliação do PSL assim que a fusão com o DEM for consumada. Quando é questionado sobre qual será o seu destino, o deputado tem uma resposta pronta. “Meu partido é o Bolsonaro”, diz. O presidente tem até março do ano que vem para escolher a legenda que abrigará sua candidatura à reeleição.

Já leu todas as notas e reportagens da coluna hoje? Clique aqui.

Siga as redes do Guilherme Amado
Últimas da coluna