Com Bruna Lima, Edoardo Ghirotto, Eduardo Barretto e Naomi Matsui

“Marighella” será exibido em 300 salas pelo Brasil

O lançamento de Marighella foi planejado para novembro de 2019, mas, segundo Moura, a obra foi alvo de censura do governo Bolsonaro

atualizado 14/10/2021 17:15

Ariela Bueno/Divulgação

O longa-metragem “Marighella”, que estreia nos cinemas no dia 4 de novembro, será exibido em 300 salas pelo Brasil. Finalizado há dois anos, o filme é protagonizado por Seu Jorge e dirigido por Wagner Moura.

O lançamento de Marighella foi planejado para novembro de 2019, mas, segundo Moura, a obra foi alvo de censura do governo Bolsonaro, o que junto com a pandemia de 2020 atrasou o lançamento do filme.

“Marighella” já passou por vários festivais, inclusive o Festival de Berlim, onde estreou sob aplausos. O filme, uma coprodução com a Globo Filmes , narra a vida do guerrilheiro baiano Carlos Marighella entre 1964 e 1969, quando ele morreu em uma emboscada por policiais na época da ditadura militar.

Já leu todas as notas e reportagens da coluna hoje? Clique aqui.

Siga as redes do Guilherme Amado
Últimas da coluna