Com Bruna Lima, Edoardo Ghirotto, Eduardo Barretto e Naomi Matsui

Carlos Bolsonaro vai ao MPRJ contra passaporte da vacina de Paes

Carluxo oficiou o Ministério Público do Rio de Janeiro contra o passaporte da vacina

atualizado 31/08/2021 16:33

O vereador Carlos Bolsonaro oficiou o Ministério Público do Rio de Janeiro pedindo providências contra o passaporte da vacina no Rio de Janeiro.

O filho 02 do presidente, que gosta de puxar briga no Twitter com Eduardo Paes, pede no ofício que o MP tome “as medidas cabíveis”, para preservar “os direitos e garantias previstos na Constituição”.

Na semana passada (27/08) Carluxo chiou no Twitter contra a medida que exige comprovante de vacinação contra Covid-19 para entrada em locais de uso coletivo no Rio. A medida começa a valer a partir de 15 de setembro. Em resposta, Paes disse:

“Para facilitar o trabalho da assessoria, seguem as providências a serem tomadas: Providência nº 1: tomar a 1ª dose! Providência nº 2: tomar a 2ª dose! Vacinas compradas e entregues pelo Governo federal via @minsaude. Obrigado @mqueiroga2 #boravacinar”.

Já leu todas as notas e reportagens da coluna hoje? Clique aqui.

Siga as redes do Guilherme Amado
Últimas da coluna