Com Bruna Lima, Edoardo Ghirotto, Eduardo Barretto e Naomi Matsui

Após crise por resultado ruim para Bolsonaro, XP muda data da pesquisa: saiba por quê

A XP Investimentos ainda não divulgou sua tradicional pesquisa sobre o governo Bolsonaro, geralmente publicada na primeira quinzena do mês

atualizado 16/09/2021 18:55

Cerimônia do Prêmio Marechal Rondon de Comunicações conta com a presença do presidente bolsonaro, lira e pacheco 7Rafaela Felicciano/Metrópoles

A XP Investimentos ainda não divulgou sua tradicional pesquisa de popularidade do governo Bolsonaro e intenções de voto para 2022, geralmente publicada na primeira quinzena de cada mês.

No mês passado, após os números mostrarem mais uma vez o derretimento de Bolsonaro, clientes da empresa chiaram: queriam que eles mostrassem não a realidade, mas sim um popular e querido Bolsonaro, tal qual em suas bolhas.

Só que a razão para a pesquisa não ter saído até agora é outra. A XP preferiu passar um tempo do 7 de setembro, para não contaminar os números, nem a favor, nem contra o presidente. A pesquisa sairá em 29 ou 30 de setembro.

Internamente, entretanto, existe pressão de alguns diretores para que a XP pare de fazer as pesquisas ou, ao menos, tire seu nome da divulgação. A tendência é que a pesquisa siga sendo feita e o nome só seja alterado depois de 2022.

Já leu todas as notas e reportagens da coluna hoje? Clique aqui.

Siga as redes do Guilherme Amado
Últimas da coluna