Observadora do cenário político do DF, lança luz nos bastidores do poder na capital.

Vídeo. Torta de climão: Arruda leva fora de eleitor ao estender a mão

O ex-governador José Roberto Arruda faz campanha nas ruas do Distrito Federal. Porém, eventual candidatura depende de decisão do STF

atualizado 29/07/2022 15:47

Imagem colorida de pessoas na fila e homem de camisa branco cumprimentando cidadãosReprodução

O ex-governador José Roberto Arruda (PL) enfrentou uma torta de climão durante agenda política no Distrito Federal. Um vídeo que circula nas redes sociais mostra o momento em que um homem se recusa a cumprimentar Arruda. O ex-governador chega a estender a mão direita, mas o homem recua e desvia.

Um outro homem que filmou a cena narra, durante o vídeo: “Político corrupto. Acabou com as vans, né? Com a pirataria. Acabou com tudo. Olha o Arruda aí, ó. Como é que pode, cara? Como é que pode?”. Ao fundo, uma outra pessoa grita: “E aí, ladrão!”

Apesar das críticas, Arruda seguiu cumprimentando as outras pessoas que estavam no local e distribuiu santinhos.

Veja vídeo:

Publicidade do parceiro Metrópoles 1
0

Arruda é pré-candidato da deputado federal. Mas eventual candidatura do ex-governador ainda depende de uma decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), que decidirá, no próximo dia 3 de agosto, sobre retroatividade da nova Lei de Improbidade.

Arruda foi condenado, em dois processos, por improbidade administrativa. Por conta dessas condenações, ele tornou-se inelegível. Mas, recentemente, uma liminar do presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), ministro Humberto Martins, devolveu os direitos políticos a Arruda, pelo menos por enquanto.

Mais lidas
Últimas notícias