Observadora do cenário político do DF, lança luz nos bastidores do poder na capital.

Secretária de Saúde do DF revoga portaria que descentraliza atividades

Lucilene Florêncio assumiu a chefia da Secretaria de Saúde em 9 de junho. No mesmo dia, revogou portaria que descentraliza funções na pasta

atualizado 17/06/2022 13:17

Mulher segurando microfone. Ela tem cabelos escuros - MetrópolesReprodução/Agência Brasília

A nova secretária de Saúde do Distrito Federal, Lucilene Florêncio, revogou a Portaria nº 380, que descentralizava diversas atividades aos demais gestores da pasta.

A portaria dava aos subsecretários atribuição para planejar e controlar execução de tarefas das unidades de saúde, autorizar e fiscalizar as escalas de trabalho, e conceder licença-paternidade ou auxílio-funeral, por exemplo.

Com a revogação da norma, de maio deste ano, as funções voltam a ser centralizadas na chefia da Secretaria de Saúde. A revogação saiu em 9 de junho, três dias após Lucilene assumir a gestão.

Mais lidas
Últimas notícias