Observadora do cenário político do DF, lança luz nos bastidores do poder na capital.

Pablo Marçal: “Lula é tão ladrão que tentou roubar minha candidatura”

Com a derrubada de Eurípedes Júnior da liderança do Pros, a expectativa é a de que seja mantida a candidatura de Marçal

atualizado 04/08/2022 15:56

Imagem colorida de homem sentado com microfone à frente fixado na mesa e telão ao fundoReprodução/YouTube

Lançado pelo Pros como candidato a presidente da República, Pablo Marçal comemorou a decisão do ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ) Antonio Carlos Ferreira. O magistrado devolveu o comando do partido para Marcus Holanda o que, consequentemente, coloca Marçal de volta na disputa eleitoral.

No domingo (31/7), o vice-presidente do STJ, ministro Jorge Mussi, havia concedido a liderança da legenda a Eurípedes Júnior, fundador do partido. Os planos de Eurípedes era desistir de uma candidatura própria e apoiar Lula (PT).

Com a nova decisão, de quarta-feira (3/8), a expectativa é de que seja mantida a candidatura própria do Pros. “O Lula é tão ladrão que tentou roubar a minha candidatura. Ainda temos Justiça nesse país”, disse Marçal à coluna.

Mais lidas
Últimas notícias