Observadora do cenário político do DF, lança luz nos bastidores do poder na capital.

Jacques Veloso é eleito como pré-candidato da situação à OAB-DF

A escolha, por meio de votação secreta, dá fim ao impasse entre o atual presidente, Juliano Costa Couto, e o ex-mandatário, Ibaneis Rocha

atualizado 01/07/2018 10:42

Divulgação

Fim de semana movimentado para as eleições da Ordem dos Advogados do Brasil no Distrito Federal (OAB-DF). Diante do impasse de quem seria o candidato apoiado pela situação, membros da diretoria e conselheiros da gestão comandada por Juliano Costa Couto se reuniram na manhã deste sábado (30/6) para escolher entre dois nomes: Cleber Lopes e Jacques Veloso – o primeiro conta com o apoio do ex-presidente Ibaneis Rocha e o segundo tem o aval do atual mandatário da seccional DF.

Em votação secreta, foi escolhido o tributarista Jacques Veloso. O resultado foi interpretado como uma derrota para Ibaneis Rocha. Minutos após o anúncio, começou a circular nas redes sociais uma imagem de um peão de xadrez caído com o rosto do ex-presidente (veja abaixo). Ao lado, estava a peça com a face sorridente de Veloso.

Reprodução

 

Como mostrou a Grande Angular, a falta de consenso entre os integrantes da diretoria da OAB ameaçava rachar o grupo em três chapas distintas. De acordo com a nota de anúncio da vitória de Jacques Veloso, a votação devolve unidade à atual gestão. O preferido de Ibaneis Rocha, Cleber Lopes, seguirá na chapa encabeçada por Veloso.

O principal adversário da chapa será Délio Lins e Silva Júnior. Na última terça-feira (26), um grupo de 100 criminalistas divulgou manifesto em apoio à pré-candidatura do colega. O texto em defesa de Délio é referendado por nomes de peso, como: Antônio Carlos de Almeida Castro, o Kakay; Pedro Ivo Velloso; Ticiano Figueiredo; Marcelo e Thiago Turbay, entre outros. As eleições estão previstas para novembro.

Últimas notícias