Observadora do cenário político do DF, lança luz nos bastidores do poder na capital.

“De forma alguma o TCDF está atrapalhando o governo”, diz presidente em resposta a Ibaneis

O presidente em exercício do TCDF, conselheiro Inácio Magalhães Filho, rebateu as acusações do governador Ibaneis Rocha

atualizado 05/10/2022 17:06

Fotografia colorida de homem com toga Reprodução/YouTube

O presidente em exercício do Tribunal de Contas do Distrito Federal (TCDF), conselheiro Inácio Magalhães Filho, respondeu às acusações do governador Ibaneis Rocha (MDB) e disse que, “de forma alguma”, o TCDF está atrapalhando o Governo do DF.

O pronunciamento de Inácio ocorre após Ibaneis declarar, em entrevista à Globo, que o trabalho da Corte de Contas tem “atrapalhado muito o governo”.

“De forma alguma o TCDF está atrapalhando o Governo do Distrito Federal. Nós somos colaboradores da sociedade do DF. Esse é o nosso dever, a nossa função, e cumpriremos de forma plena. O que tiver correto será liberado, e o que tiver algum problema, o tribunal deve, sim, determinar as suas correções”, disse.

O conselheiro Manoel de Andrade também se pronunciou: “Quando a sociedade organizada questiona, o tribunal tem de ouvir”.

Já o conselheiro André Clemente, indicado por Ibaneis, disse que não quer “colocar fogo” na situação. “Eu vi o governador falando de questões pontuais. Acho, sim, que precisamos dar informações e passar detalhes que, tenho certeza, não chegaram a ele. E não transformar isso em algo maior”, afirmou.

Alguns dos projetos a que o governador se referiu na entrevista envolvem a parceria público-privada (PPP) da Rodoviária do Plano Piloto, a Zona Verde e a concessão das operações da Companhia do Metropolitano do Distrito Federal (Metrô-DF) à iniciativa privada. Em relação à privatização do modal, Ibaneis respondeu que a proposta está parada no TCDF.

Na tarde desta quarta-feira (5/10), após a fala de Ibaneis, o TCDF divulgou uma longa nota na qual presta contas das PPPs da Rodoviária do Plano Piloto, Estacionamento Zona Verde, Kartódromo Ayrton Senna, Mercado Central de Brasília, Avenida das Cidades, Via Ponte Paranoá, Logística de Medicamentos, Transporte Metroviário, Restaurantes Comunitários, VLT na Avenida W3 e PPP das Loterias. Leia abaixo:

Nota de Esclarecimento Do TCDF by Metropoles

Mais lidas
Últimas notícias