Os semifinalistas da Copa do Brasil, juntos, devem mais de R$ 2,1 bilhões

Em vídeo, mostramos como a Covid-19 abalou as finanças de Flamengo, Atlético-MG, Fortaleza e Athletico-PR

atualizado 19/10/2021 17:47

FlamengoSilvia Izquierdo-Pool/Getty Images

A pandemia da Covid 19 causou um estrago tremendo nas finanças dos principais clubes brasileiros. É o que mostra o levantamento da empresa SportsValue, ao qual a coluna Futebol Etc teve acesso. Flamengo, Atlético-MG, Fortaleza e Athletico-PR, por exemplo, os quatro times que entram em campo nesta quarta-feira (20/10) para disputar as semifinais da Copa do Brasil, devem, juntos, mais de R$ 2,1 bilhões.

Os números são de 2020 e apontam que, em toda a Série A, alem da queda na receita, a dívida acumulada pela primeira vez superou a marca de R$ 10 bilhões. Assista ao vídeo abaixo e saiba detalhes da crise que atingiu, indistintamente, todos os clubes da elite do futebol brasileiro.

Mais lidas
Últimas notícias