E já começaram as apostas: quem cairá primeiro, Renato ou o Grêmio?

Técnico do Flamengo ouviu ontem o grito que ecoou da arquibancada, pedindo: “ole ole ole, Mister! Mister!

atualizado 28/10/2021 7:51

Alexandre Vidal/Flamengo e Flickr/Grêmio

Há coisas que só acontecem no futebol brasileiro. Renato Gaúcho e Tite têm, como treinadores do Flamengo e da Seleção Brasileira, respectivamente, índices de aproveitamento superiores a 80%, mas estão ameaçados de perder o emprego.

Com a boa vitória do Brasil sobre o Uruguai, a “fritura” de Tite diminuiu um pouco, mas o caso de Renato Gaúcho ganhou proporções absurdas, após a eliminação para o Athletico-PR.

Nesta quarta-feira (27/10), logo depois do vexame no Maracanã, um dos memes que inundaram as redes sociais perguntava: “Quem vai cair primeiro, Renato Gaúcho ou o Grêmio?”

Pode até acontecer de nenhum dos dois cair, mas esse tipo de brincadeira (ou de aposta) só surge em momentos de crise.  O Grêmio é o vice-lanterna do Brasileirão, e Renato Gaúcho ouviu ontem o grito que ecoou da arquibancada, dizendo: “ole ole ole, Mister! Mister!”, suplicando pela volta do português Jorge Jesus.

“É uma coisa super normal no momento que você está trabalhando num clube grande, último treinador que passou aqui e teve sucesso. Torcedor de um grande clube sempre vai lembrar do treinador que venceu, faz parte da nossa profissão”, minimizou Renato na entrevista coletiva pós-jogo.

Ele é o mestre das frases de efeito, só que muitas vezes paga o preço por falar bobagens e ser desmentido pelos fatos. Quando era do Grêmio e perdeu de 5×0 para o Flamengo, ele disse que Jorge Jesus, com um elenco de R$ 200 milhões, tinha a obrigação de vencer sempre. Cobrado ontem pelos jornalistas, saiu pela tangente:

“O elenco é muito forte, é muito bom. Todo treinador gosta de um elenco desse, faz parte da nossa vida. O próprio Jorge Jesus esteve aqui e perdeu, saiu da Copa do Brasil também. Depois ganhou o Brasileiro e a Libertadores”, destacou.

O que ele já disse por aí

Selecionamos aqui algumas frases de Renato Gaúcho que fizeram a plateia rir ou chorar:

1)- “Nós vamos ganhar a Libertadores e depois nós vamos brincar no Campeonato Brasileiro”,  quando dirigia o Fluminense, antes de perder a final para a LDU no Maracanã, em 2008;

2)- “Quem precisa aprender, estuda, vai pra Europa… Quem não precisa vai pra praia. Quem sabe, sabe. Quem não sabe, vai estudar”, quando perguntado se iria participar de um curso de técnicos da CBF;

3)- “Agora, Renata, todos os domingos você está de folga. Valeu, parabéns. A gente se vê às terças e sextas!”, numa entrevista à colorada  Renata Fan, da Band, ironizando o possível rebaixamento do Inter para a Série B;

4)- “Quais as dificuldades que o Guardiola e o Mourinho passaram para montar time?”, comparando-se com dois dos melhores técnicos do futebol mundial;

5)- “Joguei mais que ele. Eu queria ver o Cristiano jogar nos clubes onde eu joguei, às vezes com três, quatro meses de salários atrasados, e ser campeão como eu fui”, comparando-se com CR7.

6)- “A tua pergunta é muito boa, mas a minha resposta é melhor que a tua pergunta. Então, vou encerrar a entrevista me aplaudindo“, após uma goleada do Grêmio sobre o Sport por 5×0.

Mais lidas
Últimas notícias