metropoles.com

Polícia está à caça de Bruno, segundo suspeito da morte de Jeff

Corporação afirmou, em nota, que seus agentes estão em diligências para cumprir o mandado de prisão. O primeiro já foi preso nesta sexta

atualizado

Compartilhar notícia

Bruno suspeito morte Jeff Machado
1 de 1 Bruno suspeito morte Jeff Machado - Foto: null

Após prenderem o primeiro suspeito de participação na morte de Jeff Machado, os agentes da Polícia Civil continuam nas ruas para tentar cumprir o segundo mandado de prisão, emitido para Bruno Rodrigues. A informação foi confirmada pela corporação, através de nota.

“De acordo com a Delegacia de Descoberta de Paradeiros (DDPA), um dos dois suspeitos do homicídio e ocultação de cadáver de Jefferson Machado Costa foi preso, nesta sexta-feira (2/6), em Santíssimo, Zona Oeste do Rio. Diligências estão em andamento para localizar e capturar o outro suspeito”, disse o comunicado.

0

Bruno Rodrigues conversou com um amigo

A coluna, que vem acompanhando os desdobramentos do caso da morte de Jeff Machado, recebeu a informação de que Bruno Rodrigues, suspeito de planejar o assassinato do ator, se entregaria a qualquer momento, mas ele ainda não cumpriu com o prometido. O produtor afirma, de acordo com um diálogo obtido com exclusividade por esta colunista entre ele e um amigo, que não fez nada do que estão falando: “Espero que tudo isso se esclareça o quanto antes”.

Bruno ainda se mostrou compreensivo com relação aos familiares do artista exigirem justiça. “Entendo a família querer uma solução, mas massacrar uma pessoa que ainda não é considerada culpada é um ato de crueldade”, desabafou na conversa, completando: “Tem muita coisa ainda sem explicação e que precisa ser comprovada”.

E continuou: “Eu estou apreensivo, muito mesmo! Esperando o desenrolar dessa história. Sei que a verdade vai aparecer e os advogados estão trabalhando para isso”, frisou Bruno, se mostrando otimista em meio a todas as notícias sobre o decreto da sua prisão, que aconteceu na tarde desta quarta-feira (31/5).

Nessa segunda-feira (29//5), a Delegacia de Descoberta de Paradeiros (DDPA) indiciou Bruno de Souza Rodrigues e Jeander Vinícius da Silva Braga pela morte e ocultação do cadáver de Jeff Machado, encontrado amarrado e enterrado dentro de um baú, na zona oeste do Rio. Os dois vão responder por homicídio triplamente qualificado. O caso foi encaminhado para o Ministério Público decidir se há evidências suficientes para um julgamento.

Compartilhar notícia

Quais assuntos você deseja receber?

sino

Parece que seu browser não está permitindo notificações. Siga os passos a baixo para habilitá-las:

1.

sino

Mais opções no Google Chrome

2.

sino

Configurações

3.

Configurações do site

4.

sino

Notificações

5.

sino

Os sites podem pedir para enviar notificações

metropoles.comFábia Oliveira

Você quer ficar por dentro da coluna Fábia Oliveira e receber notificações em tempo real?

Notificações