metropoles.com

Polícia detalha prisão em flagrante do ex-BBB Diego Alemão

O empresário estava com uma arma de fogo no meio de uma rua em Ipanema, mas foi detido por PMs dentro de um táxi no Leblon

atualizado

Compartilhar notícia

Instagram/Reprodução
Ex-BBB Diego Alemão posa com um prédio ao fundo e usando blazer e óculos escuros - Metrópoles
1 de 1 Ex-BBB Diego Alemão posa com um prédio ao fundo e usando blazer e óculos escuros - Metrópoles - Foto: Instagram/Reprodução

A prisão em flagrante do ex-BBB Diego Alemão, de 42 anos, está movimentando a manhã desta terça-feira (26/9). O empresário foi detido dentro de um táxi, no Leblon, após ser visto entre a Avenida Visconde de Pirajá e a Rua Gomes Carneiro, em Ipanema, com um revólver.

De acordo com o boletim de ocorrência, ao qual a coluna teve acesso, policiais militares foram acionados por pedestres que testemunharam Alemão com a arma em punho, afirmando que “iria efetuar disparos”. Porém, quando a polícia chegou ao local, ele já havia entrado em um táxi.

“Chegando ao local, a guarnição foi informada de que o indivíduo havia entrado em um táxi Duster. Fizeram um cerco e conseguiram identificar o carro, realizando a abordagem na Avenida Delfim Moreira, no Leblon”, informou o registro na delegacia.

Os agentes ainda revelaram que, com Alemão, “foi encontrada a arma de fogo, um revólver calibre 32, da marca Taurus, com 2 munições no tambor, na parte de trás do banco do carona”. Pontuaram ainda que, “além das duas munições, mais 6 na cartucheira do coldre”.

0

Ainda de acordo com o relato do caso, quando os policiais encontraram a arma no carro, Diego Alemão negou que fosse dele ou do taxista. Mas o condutor do veículo afirmou que o ex-BBB havia embarcado com o revólver e que “na rua há câmeras e Diego estava apontando a arma para todos na região”.

Os dois foram conduzidos à delegacia e apenas lá o empresário assumiu que a arma era dele. Depois disso, não falou mais nada.

O registro da ocorrência foi feito na 14ª DP (Leblon). De acordo com o G1, uma fiança de R$ 4 mil foi determinada para a libertação do ex-BBB, mas até a publicação desta reportagem ele ainda estava preso.

Condenado por crimes no trânsito

O ex-participante do Big Brother Brasil Diego Gásguez — que ficou conhecido no programa como Diego Alemão — foi condenado pela Vara de Delitos de Trânsito de Curitiba a 1 ano e 5 meses de detenção, em regime aberto, pelos crimes de embriaguez ao volante, lesão corporal e desacato por duas vezes e ameaça.

Em 18 de abril de 2020, ele se envolveu em um acidente de trânsito no bairro Santa Quitéria (PR) quando retornava de uma confraternização. Sob efeito do álcool, Alemão bateu o Pajero que dirigia contra um automóvel regularmente estacionado.

Compartilhar notícia

Quais assuntos você deseja receber?

sino

Parece que seu browser não está permitindo notificações. Siga os passos a baixo para habilitá-las:

1.

sino

Mais opções no Google Chrome

2.

sino

Configurações

3.

Configurações do site

4.

sino

Notificações

5.

sino

Os sites podem pedir para enviar notificações

metropoles.comFábia Oliveira

Você quer ficar por dentro da coluna Fábia Oliveira e receber notificações em tempo real?

Notificações