Este é um espaço para celebrar a vida e as pessoas. Viaje comigo nesta aventura!

Harry e Meghan provocam reação feroz ao anunciar volta ao Reino Unido

No retorno ao Reino Unido, Meghan e Harry visitarão associações "próximas de seus corações", destacou um porta-voz

atualizado 15/08/2022 22:08

Max Mumby/Indigo/Getty Images

Após o bate e volta ao Reino Unido para o Jubileu de Platina da rainha Elizabeth II em junho, o príncipe Harry e Meghan Markle já têm data para retornar ao país. Conforme revelou um porta-voz dos duques de Sussex, o casal irá aterrissar na terra da rainha em setembro. Na ocasião, a dupla visitará associações “próximas de seus corações”, destacou o representante dos pais de Archie e Lilibet Diana. A novidade, entretanto, não foi bem aceita pelos fãs da realeza.

“O príncipe Harry e Meghan, o duque e a duquesa de Sussex, têm o prazer de visitar várias instituições de caridade próximas de seus corações no início de setembro”, contou o porta-voz da dupla. Ao saberem do anúncio, admiradores da família real usaram o Twitter para criticar a movimentação do casal em solo britânico. Os pais de Archie e Lilibet renunciaram aos deveres na monarquia em março de 2020.

Publicidade do parceiro Metrópoles 1
Publicidade do parceiro Metrópoles 2
0

Comentarista de assuntos da dinastia Windsor, Angela Levin considera suspeito o retorno do casal ao país europeu. “Harry e Meghan vêm ao Reino Unido para ‘caridades perto de seus corações’. A rainha estará em Balmoral e William nos EUA para Eartshot? Isso é parte de uma tentativa de uma família real alternativa? Tempo estranho”, declarou a escritora.

Perfil de um fã clube dedicado ao príncipe William e Kate Middleton, o Love Cambridge ressaltou que os duques de Sussex não perdem a chance de chamar atenção dos súditos: “Por que isso é importante e precisa ser revelado? Eles não são mais da realeza e a grande maioria das pessoas não se importa com esses dois traidores”. A conta acrescentou: “Eles deveriam parar de fingir que ainda trabalham para a Firma e viver a vida no presente, não no passado.”

Príncipe Harry e Meghan Markle
Os duques de Sussex abdicaram dos cargos reais, em março de 2020

Para o Things Royal, perfil voltado ao núcleo sênior da realeza britânica, a ida dos duques de Sussex ao solo europeu “cheira a desespero”. A conta fez um post com adaptação de falas ditas pelo casal em polêmicas entrevistas. “Nós odiamos o Reino Unido e como eles se atrevem a não financiar a nossa segurança. O público e a mídia britânica são racistas, a nossa família é racista”, tuitou.

Viagem

O itinerário do casal Sussex na terra da rainha começará pela cidade de Manchester. Na primeira parada, Harry e Meghan participarão da cúpula One Young World. A ex-atriz de Hollywood irá discursar no primeiro dia do evento, que apoia jovens líderes de mais de 190 países, em 5 de setembro. Ela é conselheira da organização, ao lado de Justin Trudeau, Richard Branson e Jamie Oliver. Em seguida, a dupla desembarcará na Alemanha, onde marca presença em uma comemoração do Invictus Games.

Depois de compareceram ao evento de jogos esportivos na Alemanha, os duques de Sussex retornarão ao Reino Unido. Em solo britânico, participarão do WellChild Awards, em 8 de setembro. Não se sabe se o casal levará os filhos, Archie e Lilibet, na turnê.

Foto colorida. Príncipe Harry, Archie, Meghan Markle e Lilibet Diana
Príncipe Harry, Archie, Meghan Markle e Lilibet Diana

Para saber mais, siga o perfil da coluna no Instagram.

Mais lidas
Últimas notícias